Menu
FARMÁCIA_CENTROFARMA_FULL
sexta, 14 de maio de 2021
Busca
Brasil

Cadastramento de pescadores em Coxim termina hoje

26 Nov 2004 - 09h10
A equipe volante da Fundação do Trabalho e Economia Solidária (Funtrab)começou, na segunda-feira 22, o cadastramento de pescadores artesanais do município de Coxim, para recebimento de seguro-desemprego durante o defeso - período de proibição da pesca para proteger a reprodução dos peixes. A equipe permanece no município até hoje.

Para ter direito de receber quatro parcelas do seguro-desemprego, no valor de um salário mínimo, o pescador deverá apresentar o Registro Geral de pescador (expedido há no mínimo um ano), Carteira de Identidade, cartão PIS-PASEP (Programa de Integração Social/Programa de Formação do Patrimônio do Servidor Público), ou extrato atualizado, comprovantes de pagamento das contribuições previdenciárias, NIT/CEI (número de inscrição do trabalhador e cadastro específico do INSS - Instituto Nacional de Seguridade Social), atestado padronizado devidamente preenchido pela Colônia de Pescadores a que esteja filiado e, ainda, Carteira de Trabalho ou declaração de que não dispõe documento.

Serviço
A equipe volante da Funtrab está atendendo em Coxim, das oito às 17 horas, na rua Floriano Peixoto, 10, Centro.
 
 
 
Conesul News

Deixe seu Comentário

Leia Também

SONHO INTERROMPIDO
Agente educacional morta em ataque a creche em Saudades queria fazer intercâmbio no Canadá
PESQUISA PRESIDENCIAL
Datafolha mostra Lula disparado na corrida eleitoral
NOVA INFECÇÃO
Covid-19: após 3 semanas de queda, casos de coronavírus avançam no Brasil puxados por 9 Estados
TRISTEZA NA FAMILIA
Seis pessoas da mesma familia morrem vítimas da Covid-19
NOVAS REGRAS
WhatsApp: o que acontece se você não aceitar novas regras do aplicativo até 15 de maio
FAMOSIDADES
Pai da campeã do 'BBB 21' Juliette vive em casinha de barro na Paraíba
CACHAÇA
Jovem enfia garrafa no ânus durante bebedeira e vai parar no hospital
ESCALADA DA VIOLÊNCIA
Operação mais letal da história deixa 25 mortos no Jacarezinho
VITIMA DO MASSACRE
'Fiquei vendo costurarem os ferimentos. Chorava, orava e agradecia por ele estar vivo, diz mãe
FRIO - FÁTIMA DO SUL NOVA ONDA DE FRIO
Frio de origem polar começa a ser sentido novamente e terá geada