Menu
FARMÁCIA_CENTROFARMA_FULL
quinta, 9 de julho de 2020
SADER_FULL
Busca
ÁGUAS DE BONITO
Brasil

Bunge e Cargill retêm soja com destino à China

6 Set 2004 - 13h22
Boatos na sexta-feira davam conta de que a Bunge e a Cargill retiveram cargas de soja que deveriam ser embarcadas para a China. As cargas, estacionadas no golfo americano, teriam sido retidas respaldadas em ordens judiciais, para ressarcir o calote por navios enviados para a China no início do ano. De acordo com os boatos, Bunge e ou Cargill ganharam um processo em um tribunal de arbitragem comercial no Reino Unido. O processo seria contra esmagadoras de soja da China que teriam deixado de pagar por cargas adquiridas no começo do ano, segundo traders locais. O veredicto, favorável à Bunge e à Cargill, teria sido retransmitido para uma corte dos Estados Unidos que ficou responsável por executar a ordem judicial, informaram as fontes.Os porta-vozes das duas empresas se recusaram a comentar os rumores.

 

 

Agrolink


Deixe seu Comentário

Leia Também

SUSPEITOS COVID-19
Veja autoridades que se reuniram com Bolsonaro nos últimos dias, de acordo com a agenda oficial
ABSURDO
Indígena com Covid-19 sofre aborto espontâneo e recebe feto em garrafa de soro
VITIMA DA COVID 19
Após ficar 3 dias a espera de UTI Cacique xavante líder das causas indígenas morre com Covid-19
AUXILIO EMERGENCIAL
Caixa libera saques e transferências dos aprovados no terceiro lote nascidos em fevereiro
URGENTE - PRESIDENTE COM COVID-19
URGENTE: Bolsonaro testa positivo para coronavírus
PRESIDENTE NA LINHA
Bolsonaro está com sintomas de covid-19 e aguarda resultado de exame
CICLONE BOMBA
Efeitos do Ciclone: mais de 12 mil residências ainda estão sem energia elétrica
LIVE
Mulher de Porchat não foi a única: veja outros casos de nudez em lives
ECONOMIA
Nova gasolina a partir de agosto; combustível será mais caro, mas deixará veículos mais econômicos
SOS EDUCAÇÃO
Sem computador e sem dinheiro, alunos de baixa renda desistem do Enem