Menu
FARMÁCIA_CENTROFARMA_FULL
sábado, 20 de julho de 2024
FARMÁCIA_CENTROFARMA_FULL
Busca
Busca
ECONOMIA

Brasileiro troca financiamento direto na loja por cartão de crédito

24 Jun 2010 - 05h21Por Diário MS

A pesquisa anual sobre crédito, realizada pela Fecomércio-RJ/ Ipsos, mostra que de 2009 para 2010 o financiamento direto na loja perdeu espaço para os cartões de crédito. Enquanto no ano passado 56% dos entrevistados parcelavam as compras com as lojas, apenas 26% dividiam no cartão. Neste ano, o pagamento a prazo inverteu: a loja é a opção de 37% e o cartão de 44%. O empréstimo pessoal em banco aparece em terceiro lugar sendo preferido por 16%. Empréstimo em financeira, consignado e nas lojas aparecem no fim da lista.

Esse comportamento foi impulsionado, principalmente, pelas classes C, D e E. Nesse período a participação da classe C que financia direto na loja caiu 26 pontos percentuais e a da classe D/E diminuiu 22 pontos. Em compensação subiu 17 e 20 pontos percentuais os que têm cartão de crédito nas classes C e D/E, respectivamente.

O avanço é resultado do crescimento do emprego formal, que contribui para o aumento da parcela dos brasileiros com conta bancária: 49% em 2010. Há um ano eram 36%. “Emprego e renda têm sido os pilares da evolução sustentável que vemos no crédito. Ao entrar no sistema bancário o brasileiro tem acesso a um volume maior e diverso de crédito. O reflexo disso no comércio vem sob a forma do aumento da intenção de compra que subiu 5 pontos percentuais de maio de 2009 para o mesmo período deste ano”, afirma João Carlos Gomes, coordenador do Núcleo Econômico e de Pesquisas da Fecomércio-RJ.

A relação positiva entre o bom desempenho do mercado de trabalho, a disseminação do acesso à conta bancária e a trajetória favorável da inadimplência confluem para a maior utilização do cartão de crédito. Essa modalidade de pagamento, quando não está sujeita à inadimplência, apresenta juros mais baixos. Prova disso é que os juros menores estão entre as principais razões que estimularam o brasileiro a trocar suas formas de crédito. No ano passado esse era o motivo para 27% dos entrevistados, com salto para 37% em 2010. Mesmo assim, 82% dos entrevistados consideram as taxas de manutenção e de anuidade de seus cartões abusivas, sendo que 64% por serem taxas muito elevadas e 18% por considerarem que deveria haver apenas uma taxa e não duas.

A pesquisa é realizada anualmente em mil domicílios de 70 cidades brasileiras, incluindo nove regiões metropolitanas.

Participe do nosso canal no WhatsApp

Clique no botão abaixo para se juntar ao nosso novo canal do WhatsApp e ficar por dentro das últimas notícias.

Participar

Leia Também

unsplash.com/pt-br/fotografias PORTO ALEGRE = RS
Explore Porto Alegre: A Capital Gaúcha
Evento
Veja as 3 Galerias de fotos do público e shows de Ana Castela e DJ Kevin em Jateí-MS!
Vem aí o Fátima Fest 2024, com rodeio, parque, fogueira ecológica e shows nacionais em Fátima do Sul
Jatei-MS
Entrevistas com o Prefeito Eraldo Jorge Leite e o Presidente da Câmara e Vereador Tiquinho em Jateí
Evento
Veja as 3 galerias do dia 29-06 na premiação da Prova dos Três Tambores, Queima da Fogueira e Shows

Mais Lidas

DEODÁPOLIS - ELEIÇÕES 2024
DEODÁPOLIS: PSDB define Jean da Saúde como pré-candidato a prefeito e Marcinho do Frigomar como vice
O sepultamento de Cristiane ocorrerá nesta quinta-feira (18) / Reprodução/Redes sociaisLUTO NA ENFERMAGEM
LUTO NA ENFERMAGEM: Morte de técnica de enfermagem abala colegas de profissão
Foto de capa: Edemir Rodrigues/ArquivoFÁTIMA DO SUL E MAIS 03 CIDADES
Fátima do Sul e mais 3 cidades tem licitação homologada para obra de infraestrutura do Governo de MS
Brasil
Conheça os finais dos principais personagens de "América"
WhatsApp / Alvorada InformaMOTORISTA IDENTIFICADO
Identificado motorista encontrado morto em carreta em Nova Alvorada do Sul