Menu
FARMÁCIA_CENTROFARMA_FULL
sexta, 3 de julho de 2020
SADER_FULL
Busca
ÁGUAS DE BONITO
Brasil

Brasileiras derrotam as gregas no segundo jogo

16 Ago 2004 - 15h53
Depois de uma partida massacrante contra as japonesas, a Seleção Brasileira feminina de basquete teve um jogo mais disputado hoje contra a equipe da Grécia. Mesmo assim, garantiu a segunda vitória na Olimpíada com o placar final de 87 a 75.

Antes do início do jogo, a preocupação era quanto ao clima da partida, já que antes dos Jogos, o Brasil realizou um amistoso contra Grécia no qual a ala-armadora Iziane agrediu uma jogadora grega. A equipe brasileira recebeu várias críticas por parte da imprensa local.

O Brasil começou o jogo mantendo uma pequena distância no placar. Mesmo assim, não encontrou dificuldades e não sentiu a presença da torcida grega. O quarto inicial estava terminando em 24 a 19 quando, faltando dois segundos, Janeth fez uma cesta incrível do meio da quadra, deixando o placar em 27 a 19. É a segunda vez em olimpíada que a veterana do grupo faz um ponto como esse. A outra ocasião foi contra a Eslováquia, na estréia do Brasil em Sydney-2000.

O Brasil voltou para o segundo quarto abrindo 11 pontos de vantagem. Mas em uma jogada individual de ataque, Iziane caiu e deixou a quadra sentindo a perna esquerda. O técnico Antônio Carlos Barbosa colocou, então, Viviane em quadra que passou a fazer uma excelente partida, junto com Leila e Karla que também entraram do banco. O segundo quarto terminou em 50 a 43 e Helen com quatro bolas de três pontos convertidas.

O segundo tempo começou com a Grécia encostando em 50 a 49 e o Brasil ficando quase 3 minutos sem nenhuma cesta marcada. As jogadoras brasileiras começaram a errar bolas fáceis no rebote, a perder contra-ataques e a pecar na marcação, possibilitando bolas de três pontos das gregas. Aos quatro minutos, o Brasil ficou atrás no placar em 56 a 57. Helen ficou quase que o 3º quarto inteiro sem marcar. Com a marcação dura, as brasileiras mudaram a tática e começaram a forçar as gregas a cometerem faltas e ficarem penduradas na partida. O Brasil conseguiu terminar o período empatado em 64.

No último quarto, o Brasil acordou e partiu para cima. Iziane fez uma bela bola de três pontos, abrindo 71 a 64. Até os 6 minutos, a Grécia perdia o quarto por 14 a 0. A partir daí, a equipe soube administrar uma boa vantagem, apesar de errar bolas fáceis no ataque.

A partida foi válida pelo grupo A. No próximo dia 18, o Brasil tem uma parada mais difícil, em jogo contra a Rússia.

Deixe seu Comentário

Leia Também

PREVENÇÃO COVID 19
Giovanna Antonelli viraliza ao mostrar truque para evitar contaminação
FEMINICÍDIO
Marido é preso após matar mulher asfixiada e na fuga causa acidente de carro e deixa 08 feridos
BORA PRA BONITO - MS - REABERTO
Hotel Águas de Bonito reabre com segurança e estrutura proporcionada para o aconchego em Bonito (MS)
BRASIL - 62.045 MORTES
Brasil passa de 62 mil mortes pelo novo coronavírus
COISA MEDONHA
Homem quebra túmulo e é visto dançando com o corpo da avó
OPORTUNIDADE DE EMPREGO
Exército abre seleção com vagas temporárias para MS e salários de até R$ 7,5 mil
FÁTIMA DO SUL - NOSSOS ANJOS DA GUARDA
Guerreiros de Fátima do Sul fazem semana de prevenção contra incêndio, hoje é dia do BOMBEIRO
BRASIL 60 MIL MORTES
Brasil tem 1.456.969 casos de Covid-19, aponta consórcio de veículos da imprensa em boletim das 8h
ELEIÇÕES 2020
Câmara dos Deputados aprova em primeiro turno adiamento das eleições municipais de 2020
100 INTERMEDIÁRIO
Venda direta de etanol das usinas para postos pode aumentar concorrência, diz Bolsonaro