Menu
FARMÁCIA_CENTROFARMA_FULL
quinta, 22 de outubro de 2020
SADER_FULL
Busca
ÁGUAS DE BONITO
Brasil

Brasileiras derrotam as gregas no segundo jogo

16 Ago 2004 - 15h53
Depois de uma partida massacrante contra as japonesas, a Seleção Brasileira feminina de basquete teve um jogo mais disputado hoje contra a equipe da Grécia. Mesmo assim, garantiu a segunda vitória na Olimpíada com o placar final de 87 a 75.

Antes do início do jogo, a preocupação era quanto ao clima da partida, já que antes dos Jogos, o Brasil realizou um amistoso contra Grécia no qual a ala-armadora Iziane agrediu uma jogadora grega. A equipe brasileira recebeu várias críticas por parte da imprensa local.

O Brasil começou o jogo mantendo uma pequena distância no placar. Mesmo assim, não encontrou dificuldades e não sentiu a presença da torcida grega. O quarto inicial estava terminando em 24 a 19 quando, faltando dois segundos, Janeth fez uma cesta incrível do meio da quadra, deixando o placar em 27 a 19. É a segunda vez em olimpíada que a veterana do grupo faz um ponto como esse. A outra ocasião foi contra a Eslováquia, na estréia do Brasil em Sydney-2000.

O Brasil voltou para o segundo quarto abrindo 11 pontos de vantagem. Mas em uma jogada individual de ataque, Iziane caiu e deixou a quadra sentindo a perna esquerda. O técnico Antônio Carlos Barbosa colocou, então, Viviane em quadra que passou a fazer uma excelente partida, junto com Leila e Karla que também entraram do banco. O segundo quarto terminou em 50 a 43 e Helen com quatro bolas de três pontos convertidas.

O segundo tempo começou com a Grécia encostando em 50 a 49 e o Brasil ficando quase 3 minutos sem nenhuma cesta marcada. As jogadoras brasileiras começaram a errar bolas fáceis no rebote, a perder contra-ataques e a pecar na marcação, possibilitando bolas de três pontos das gregas. Aos quatro minutos, o Brasil ficou atrás no placar em 56 a 57. Helen ficou quase que o 3º quarto inteiro sem marcar. Com a marcação dura, as brasileiras mudaram a tática e começaram a forçar as gregas a cometerem faltas e ficarem penduradas na partida. O Brasil conseguiu terminar o período empatado em 64.

No último quarto, o Brasil acordou e partiu para cima. Iziane fez uma bela bola de três pontos, abrindo 71 a 64. Até os 6 minutos, a Grécia perdia o quarto por 14 a 0. A partir daí, a equipe soube administrar uma boa vantagem, apesar de errar bolas fáceis no ataque.

A partida foi válida pelo grupo A. No próximo dia 18, o Brasil tem uma parada mais difícil, em jogo contra a Rússia.

Deixe seu Comentário

Leia Também

CORONAVIRUS
Morre voluntário brasileiro que participava de testes da vacina de Oxford
MORTE SUBITA
Idoso morre em voo de Cuiabá para SP; avião faz pouso de emergência
BRASIL - 154.176 MORTES
Covid-19: Brasil tem mais 271 óbitos e 15.383 novos casos em 24h
TRAGÉDIA NA CIDADE
Acidente entre trem e e micro-ônibus deixa uma mulher morta e feridos
VEJA VIDEO
Índio precisa buscar socorro a cavalo após ataque de onça
ESTUPRO DE VULNERÁVEL
Filha de 9 anos flagra pai estuprando menina de 5 na lateral da casa
AUXILIO POPULAÇÃO
Auxílio emergencial: 5,6 milhões de pessoas recebem nesta terça-feira
FAMOSIDADES
Luan Santana e Jade Magalhães terminam noivado de 12 anos
CORONAVIRUS NOS ANIMAIS
Gato é o primeiro animal no Brasil que testa positivo para o Coronavirus
ABSURDO
Enfermeiros, fisioterapeuta e médico são afastados após denúncia de estupro na UTI