Menu
SADER_FULL
sábado, 16 de outubro de 2021
SADER_FULL
Busca
Brasil

Brasil vence reservas da Bulgária e avança

29 Nov 2006 - 07h36
A Seleção Brasileira venceu a da Bulgária, que jogou com os reservas, por 3 sets a 1 (25/22, 20/25, 25/22 e 25/16) e garantiu assim a classificação para as semifinais do Campeonato Mundial de vôlei masculino, em Hiroshima (Japão).

O Brasil encerrou a participação na segunda fase em primeiro lugar no Grupo F, e ainda tirou a invencibilidade da Bulgária na competição. Seu adversário na semifinal será a Sérvia e Montenegro, que perdeu por 3 a 0 para a Polônia e terminou em 2ª no Grupo E.

As semifinais serão na madrugada de sábado (horário de Brasília), em Tóquio.

"Estou contente com a classificação para a semifinal, mas não com o jogo de hoje. Não jogamos bem e precisamos corrigir os erros. Qualquer adversário será dificílimo", disse o técnico Bernardinho.

O motivo da bronca foi a má atuação do time principalmente no segundo set, quando deixou os reservas búlgaros tomarem conta do jogo.

Já classificada para as semifinais, a até então invicta Bulgária decidiu poupar quase todos os seus titulares no último jogo da segunda fase. O que parecia representar uma facilidade para o Brasil, porém, acabou virando um problema. Do outro lado da quadra estava um adversário desconhecido e motivado, que brigou pela vitória.

O resultado foi um jogo extremamente equilibrado. No primeiro set, a Bulgária mostrou que os reservas mantinham a qualidade no saque que vem sendo a maior virtude do time neste Mundial.

O Brasil ficou em desvantagem a maior parte do set. Mas, com 19 a 17 no placar, iniciou sua reação. Acertou a marcação sobre o melhor atacante búlgaro, o ponta Yordanov, e virou para 21 a 19. A seqüência de bons ataques se manteve até o erro do levantador adversário, que deu ao time o 25º ponto, em 24 minutos.

Mas a Bulgária tinha outras armas, que começou a mostrar no segundo set. Um deles era o eficiente bloqueio, que marcou três pontos e ajudou a abrir 16 a 12. O ataque brasileiro se limitava praticamente a Giba, que também marcou dois pontos seguidos de saque, numa tentativa de reação.

Mas já era tarde. Apático, o Brasil perdeu por 25 a 20, em 24 minutos, com um ataque de meio de Gaydarski.

Bernardinho resolveu então usar a mesma estratégia do adversário.

Entraram reservas como Marcelinho, Rodrigão, Murilo e Anderson. Com eles em quadra, o time recuperou a garra necessária e abriu quatro pontos de vantagem (16 a 12).

Com 24 a 19, a Bulgária voltou a mostrar que não estava brincando. O saque potente de Yordanov desestruturou a defesa brasileira, salvando três set points. No quarto, porém, Marcelinho conseguiu acionar Murilo, na entrada de rede, para fazer 25 a 22 em 26 minutos.

O Brasil entrou no quarto set ainda sofrendo com os saques de Yordanov e Kaziyski, o melhor serviço do Mundial. Mas aos poucos foi aos poucos descobrindo uma forma de resistir ao bombardeio e atacar com precisão. Abrindo uma boa diferença no marcador, transferiu a responsabilidade para o outro lado da quadra.

Os búlgaros forçavam suas jogadas ao máximo e com isso os erros se sucediam, até Giba, mais uma vez o melhor do Brasil, atacar do meio para garantir a vitória.

Giba foi o maior pontuador do Brasil, com 22 pontos (19 de ataque em 19 tentativas, dois de saque e um de bloqueio). No total o Brasil marcou 46 pontos de ataque, nove de bloqueio, dois de saque e 38 em erros do adversário.

Os erros, principalmente no quarto set, acabaram sendo decisivos no placar, já que as outras estatísticas da Bulgária foram quase idênticas às do Brasil. Marcou 46 pontos de ataque, nove de bloqueio e três de saque, mas apenas 27 em falhas cometidas pela equipe brasileira.

 

Terra Redação

Leia Também

BRASIL VERDE
Governadores avançam na criação de consórcio em defesa do desenvolvimento sustentável
LIÇÕES DA BÍBLIA
Estudo adicional
LIÇÕES DA BÍBLIA
Outras imagens
LIÇÕES DA BÍBLIA
Seu povo especial
REVOLTANTE
Vanessa, de 18 anos, é atropelada e morre após reagir a assédio
LIÇÕES DA BÍBLIA
O livro da aliança
PAVOROSO
Acumulador de lixo transforma rua de cidade modelo em paraíso das ratazanas
JOGOS MORTAIS
Escola envia carta aos pais alertando sobre a série 'round 6'
NAUFRÁGIO
Barco naufraga e duas pessoas desaparecem; buscas continuam nesta segunda (11)
FOTO: REDES SOCIAIS DESCARGA FATAL
Jovem morre ao desligar geladeira da tomada após queda de raio