Menu
SADER_FULL
sexta, 14 de maio de 2021
Busca
Brasil

Brasil gerou 1,236 milhão de empregos até julho

20 Ago 2004 - 07h15
No mês de julho, foram criados 202 mil empregos com carteira assinada, um aumento de 0,83% em relação a junho. O dado consta do Cadastro Geral de Emprego e Desemprego (Caged), do Ministério do Trabalho, divulgado hoje pelo ministro Ricardo Berzoini.

Segundo ele, o governo está otimista com a tendência de aumento do emprego formal no país. No ano, o crescimento do emprego acumula 5,3%. "Já superamos a expectativa de criar 1,3 milhão postos de trabalho e agora temos a meta de chegar a 1,8 milhão até o final do ano" afirmou.

Os destaques do mês de julho foram os setores de indústria de transformação, com 56 mil empregos, e a agricultura, com 55 mil empregos. De acordo com o Cadastro Geral de emprego e Desemprego (Caged) do Ministério do Trabalho, a construção civil está revertendo o quadro negativo do ano passado: em julho foram criados 10 mil postos. Berzoini destacou que o aumento de empregos é maior nas cidades do interior.

O Caged é divulgado mensalmente pelo Ministério do Trabalho, e não inclui empregos públicos e domésticos. Por lei, as empresas são obrigadas a passar as informações ao governo.

Berzoini disse que, por enquanto, o governo não tem metas para o aumentro da renda do trabalhador, já que a prioridade ainda é criar empregos, No entanto, ele revelou que pesquisas comprovam um aumento real de 9% nos salários.

Quanto à desoneração da folha de pagamento de empresas, o que deve significar um incremento na criação de postos de trabalho, o ministro disse que ainda existem divergências dentro do próprio governo sobre as medidas. "As medidas serão anunciadas assim que for equacionada a questão da desoneração das empresas com a arrecadação Previdenciária". Berzoini adiantou, no entanto, que o governo está trabalhando em medidas para desonerar empresas com faturamento mensal de até R$ 3 mil.
 
 
Agência Brasil

Deixe seu Comentário

Leia Também

SONHO INTERROMPIDO
Agente educacional morta em ataque a creche em Saudades queria fazer intercâmbio no Canadá
PESQUISA PRESIDENCIAL
Datafolha mostra Lula disparado na corrida eleitoral
NOVA INFECÇÃO
Covid-19: após 3 semanas de queda, casos de coronavírus avançam no Brasil puxados por 9 Estados
TRISTEZA NA FAMILIA
Seis pessoas da mesma familia morrem vítimas da Covid-19
NOVAS REGRAS
WhatsApp: o que acontece se você não aceitar novas regras do aplicativo até 15 de maio
FAMOSIDADES
Pai da campeã do 'BBB 21' Juliette vive em casinha de barro na Paraíba
CACHAÇA
Jovem enfia garrafa no ânus durante bebedeira e vai parar no hospital
ESCALADA DA VIOLÊNCIA
Operação mais letal da história deixa 25 mortos no Jacarezinho
VITIMA DO MASSACRE
'Fiquei vendo costurarem os ferimentos. Chorava, orava e agradecia por ele estar vivo, diz mãe
FRIO - FÁTIMA DO SUL NOVA ONDA DE FRIO
Frio de origem polar começa a ser sentido novamente e terá geada