Menu
SADER_FULL
quinta, 6 de maio de 2021
Busca
Brasil

Brasil e Paraguai ampliam acordo para controle da aftosa

10 Set 2004 - 08h36
As autoridades brasileiras e paraguaias, reunidas ontem em Ponta Porã formalizaram plano de ação para reforçar a vigilância agropecuária na região de fronteira. 0s principais pontos acordados durante a reunião estão relacionadas ao intercâmbio de registros e cadastros de marcas, propriedades e produtores localizados numa faixa de 50 quilômetros a partir da fronteira, tanto do lado do Paraguai quanto do lado do Brasil, um calendário único de vacinação para os dois países, nos meses de maio e novembro e a obrigatoriedade de comunicação, em 24 horas, de qualquer suspeita da doença ao país vizinho.

O documento, discutido e elaborado por técnicos do Ministério da Agricultura Pecuária e Abastecimento (Mapa), do Serviço Nacional de Qualidade e Saúde Animal do Paraguai (Senaqsa) e da Agência Estadual de Defesa Sanitária Animal e Vegetal (Iagro), prevê ações conjuntas de técnicos brasileiros e paraguaios na identificação, comprovação e controle de possíveis focos da doença.

Pelo acordo os técnicos da Comissão Fronteiriça Permanente poderão ter acesso a propriedades com suspeita de incidência da doença e, em caso positivo, informarão às autoridades sanitárias dos respectivos países.

O encontro, que começou às 9 horas no Sindicato Rural de Ponta Porã e se encerrou às 17h30, representou um enorme avanço no esforço bilateral para o controle da doença na região, segundo avaliação do assessor da Secretaria de Defesa Agropecuária do Mapa, Adauto Lima Rodrigues, que coordenou os trabalhos.
 
Agência Popular

Deixe seu Comentário

Leia Também

VITIMA DO MASSACRE
'Fiquei vendo costurarem os ferimentos. Chorava, orava e agradecia por ele estar vivo, diz mãe
FRIO - FÁTIMA DO SUL NOVA ONDA DE FRIO
Frio de origem polar começa a ser sentido novamente e terá geada
TERROR NA CRECHE
Sob forte emoção moradores de Saudades realizam velório coletivo das vítimas do ataque à creche
CHEGANDO FORTE
Frio chega com força e provoca geada no Sul
TERROR EM CRECHE
Jovem invade escola e mata três crianças e duas funcionárias
PÉSSIMA PROJEÇÃO
Covid-19: Brasil deve alcançar 575 mil mortes em 1º de agosto, diz instituto
SONHO INTERROMPIDO
Jovem perde noivo para a Covid-19 no dia do casamento: 'Nossos sonhos ficaram para trás'
PANDEMIA CORONAVIRUS
Triste número: Brasil ultrapassa 400 mil mortes por Covid-19
REVOLTA
Pastor zomba da fé dos indígenas Trukás que revoltados quebram templo em construção; veja o vídeo
VIOLAÇÃO
Vereador abre caixão para provar que idoso não morreu de covid; assista