Menu
SADER_FULL
sexta, 5 de março de 2021
FARMÁCIA_CENTROFARMA_FULL
Busca
Brasil

Brasil bate Colômbia e segue invicto para pegar a Argentina

4 Fev 2011 - 09h00Por G1

Um gol no início, um no final, com um pouco de susto no caminho. Assim, o Brasil venceu a Colômbia por 2 a 0 na madrugada desta sexta-feira, em Arequipa (Peru), e lidera o hexagonal final do Sul-Americano Sub-20 com 100% de aproveitamento. Único time invicto na competição, a Seleção de Ney Franco terá pela frente agora a Argentina, domingo, às 23h10m (de Brasília).

O volante Casemiro fez o primeiro logo com dois minutos da etapa inicial. Após pressão da Colômbia, Diego Maurício fez 2 a 0 aos aos 44 do segundo tempo. Agora, o Brasil está em primeiro lugar com seis pontos em duas rodadas, seguido por Equador e Uruguai, com quatro. A Argentina tem três e está em quarto. A seleção colombiana e o Chile, com duas derrotas, ainda não pontuaram. Os dois primeiros colocados garantem vaga nos Jogos Olímpicos de 2012, enquanto os quatro primeiros estarão no Mundial Sub-20 deste ano na Colômbia (confira a classificação completa e os jogos do Sul-Americano).

Um torcedor especial de Neymar acompanhou a partida da arquibancada do estádio Universidad Nacional San Agustín: Neymar Silva, pai do atacante, está em Arequipa para comemorar o 19º do filho no próximo sábado, dia 5. O camisa 7 começou a partida apagado, mas acordou no segundo tempo e chegou a acertar uma bola na trave. Já nos acréscimos, foi substituído por Henrique.

O Brasil precisou de apenas dois minutos para abrir o placar. Alex Sandro cruzou da esquerda após cobrança de escanteio, Casemiro subiu bem entre a zaga colombiana e tocou de cabeça para marcar 1 a 0.

Com o resultado positivo, a Seleção passou a atacar pouco. A Colômbia assustou com Escobar, que entrou na área e bateu no cantinho esquerdo de Gabriel, mas o goleiro brasileiro defendeu bem aos 20. Três minutos depois, a garotada de Ney Franco respondeu com chute forte de Oscar de fora da área, que obrigou Mosquera a se esticar todo para evitar o segundo do Brasil. Na cobrança de escanteio, Alex Sandro cabeceou e a bola raspou o travessão.

Ainda no primeiro tempo, duas substituições. O volante Casemiro passou mal (chegou a vomitar depois no vestiário) e deixou o gramado para a entrada do atacante Diego Maurício aos 33. Logo depois, o técnico Eduardo Lara tirou o também volante Julio e colocou o artilheiro colombiano Cardona.

Com Neymar apagado, Gabriel apareceu algumas vezes com boas defesas para o Brasil. No ataque, a Seleção conseguiu boa resposta com Diego Maurício, que entrou pela direita aos 42 e chutou forte no canto esquerdo, mas Mosquera pegou.
 

 

Deixe seu Comentário

Leia Também

100 UTI = OBITO
Ministério da Saúde prevê 3 mil mortes por dia por covid-19 nas próximas duas semanas
TRISTEZA NA FAMILIA
'Não tem UTI,amo vcs':a história por trás do tuíte viral que revela mensagens de mãe morta por covid
DISPARO ACIDENTAL
Assessor em fazenda do cantor Leonardo morre vitima de tiro acidental
VIOLENCIA DOMESTICA
Vítima de violência doméstica escreve bilhete com pedido SOS em agência bancária: 'Ele tá ai fora'
ALERTA AO CPF
Confira se o seu CPF foi usado de maneira IRREGULAR por desconhecidos
VAMOS PREVENIR
Igreja Adventista vota documento com orientações sobre cultos e reuniões
ALERTA AOS JOVENS
O que está por trás da alta das internações de jovens com covid
BRASIL EM PÂNICO
Brasil tem novo recorde de mortes por covid em 24 horas: 1.910
100 TRÉGUA
Brasil registra 1.726 mortes em 24 horas e bate novo recorde na pandemia; total chega a 257,5 mil
EXECUÇÃO NA MADRUGADA
Dona de bar é degolada e corpo encontrado nos fundos do estabelecimento