Menu
SADER_FULL
sexta, 23 de outubro de 2020
FARMÁCIA_CENTROFARMA_FULL
Busca
ZANZI
Brasil

Brasil ainda é o maior consumidor de cocaína da América do Sul

23 Jun 2010 - 13h25Por R7

Embora estatisticamente não lidere o consumo de cocaína na América do Sul, em números absolutos, o Brasil ainda representa o maior mercado da droga no continente, com cerca de 900 mil usuários, segundo relatório anual sobre o tema divulgado nesta quarta-feira (23) pela UNODC (Escritório das Nações Unidas sobre Drogas e Crimes), ligado à ONU (Organização das Nações Unidas).

Baseado nas respostas dos questionários encaminhados a 192 países, o relatório tem como objetivo revelar as tendências mundiais sobre o consumo e o comércio de drogas, em um documento com 313 páginas. O lançamento do balanço marca o Dia Internacional contra o Tráfico e o Abuso de Drogas, lembrado no próximo sábado (26).

Segundo o relatório, a Argentina é o país com o maior índice de prevalência do uso da droga: 2,7% da população já consumiu cocaína; contra 2,4% do Chile; 1,4% do Uruguai; e 0,7% no Brasil – po

rcentual de pessoas que admitiram ter consumido a droga pelo menos uma vez em um ano. Entretanto, como o documento utiliza como base os números das autoridades locais, é possível que o cenário no país tenha mudado, já que os dados brasileiros são de 2005.


O próprio governo federal já admitiu que faltam dados sobre o consumo de drogas no país, o que prejudica o combate ao problema, e prevê a realização de uma nova pesquisa sobre o tema até o fim do ano.

O balanço da ONU também traça um paralelo entre traficantes de drogas de diversos países consumidores. Na Europa, por exemplo, a França foi o país com a maior apreensão de cocaína em 2008 (8,2 toneladas), sendo que, curiosamente, a maior parte da droga apreendida no país veio do Brasil: 40% do total.

Já na América do Sul, entre 2007 e 2008 (quando foram obtidos os últimos dados), a apreensão de cocaína teve crescimento recorde e, somente no Brasil, houve um salto de 21% no total de apreensões da mercadoria: passando de 17 para 20,4 toneladas em um ano.

Outras drogas

O Brasil também é líder – estatisticamente e em números absolutos – no consumo de drogas derivadas do ópio (como a heroína e medicamentos a base de morfina) na América do Sul: 0,5% da população dos país (entre 15e 64 anos) já usou a droga, o que corresponde a 640 mil pessoas. Apesar de o percentual ser o mesmo que o do Chile, naquele país, o valor corresponde a 57 mil pessoas.

Já a maconha continua a ser a droga mais consumida na América do Sul, sendo que somente no Brasil foram apreendidas 187 toneladas da droga em 2008. No Continente, a maioria dos usuário é adulta, porém, são altos os índices de consumo do entorpecente entre estudantes do ensino médio: 15,6% dos estudantes do Chile afirmaram já ter fumado maconha pelo menos uma vez no ano – maior percentual entre os países pesquisados –, contra 6,3% no Brasil (entre 15 e 16 anos).

O relatório ainda lista o ranking dos maiores produtores mundiais de maconha, heroína, cocaína e outras drogas; revela o perfil dos consumidores nos continentes; e apresenta recomendações da ONU para o combate ao problema. Leia aqui a íntegra do documento (em inglês).

Deixe seu Comentário

Leia Também

Invasão em residência acaba morador morto por tiro acidental TRAGÉDIA NA FAMILIA
Homem mata o próprio irmão ao atirar em invasor de residência
GUERRA DA VACINA
Bolsonaro diz que não comprará vacina chinesa, mesmo se aprovada pela Anvisa
Motorista da carreta diz que ainda tentou desviar, mas não conseguiu DOENÇA DO SÉCULO
Menor pega carro escondido, joga contra carreta e morre na hora
BRASIL - 155.403 MORTES
Covid-19: Brasil tem 24.818 novos casos em 24 horas
AJUDA
Caixa Econômica paga auxílio emergencial para 5,2 milhões de beneficiários
CORONAVIRUS
Morre voluntário brasileiro que participava de testes da vacina de Oxford
MORTE SUBITA
Idoso morre em voo de Cuiabá para SP; avião faz pouso de emergência
BRASIL - 154.176 MORTES
Covid-19: Brasil tem mais 271 óbitos e 15.383 novos casos em 24h
TRAGÉDIA NA CIDADE
Acidente entre trem e e micro-ônibus deixa uma mulher morta e feridos
VEJA VIDEO
Índio precisa buscar socorro a cavalo após ataque de onça