Menu
FARMÁCIA_CENTROFARMA_FULL
sexta, 23 de abril de 2021
Busca
Brasil

BR 163, que liga Cuiabá a Santarém, será pavimentada

5 Jul 2004 - 07h50
A BR 163, que liga Santarém (PA) a Cuiabá (MT) vai ganhar, até o final do ano, um plano de desenvolvimento sustentável. Os quase um milhão de quilômetros quadrados devem ser pavimentados, beneficiando cerca de 1,9 milhão de pessoas.

Em entrevista ao programa Revista Brasil, da Rádio Nacional, o chefe de gabinete da secretaria de desenvolvimento regional do Ministério da Integração Nacional, Julio Miragaya, contou que o objetivo é elaborar o plano de desenvolvimento da BR 163 junto com os governos estaduais e com a sociedade civil. Segundo ele, na consulta pública realizada em Santarém, ficou claro o apoio da população à obra de pavimentação. "Percebemos, também que alguns setores demonstram preocupação com efeitos negativos da pavimentação ao meio ambiente e às populações indígenas", disse.

Outras cinco cidades no Pará, Amazonas e Mato Grosso serão consultadas até o final do mês sobre o plano de desenvolvimento, que favorecerá agricultores e pecuaristas, além de produtores de madeira, no escoamento das mercadorias.
 
 
Agência Brasil

Deixe seu Comentário

Leia Também

TRAGÉDIA EM CACHOEIRA
Mãe e filha morrem vítima de tromba d'gua em cachoeira; cunhado também morreu
ASSÉDIO À MENOR
Pastor é investigado após ser filmado beijando e oferecendo dinheiro a adolescente de 14 anos
UTRAPASSAGEM FATAL
Tio e sobrinho morrem "esmagados" por caminhão em rodovia
FATALIDADE
Bebê morre eletrocutado após morder fio de carregador de celular
AJUDA DO GPS
Após ficar 30h desaparecida, médica é encontrada em ribanceira com ajuda de GPS de celular
REVOLTANTE
A intérprete que descobriu na aula de Libras que pastor abusava de adolescente
BRASIL - 381.687 MORTES
Brasil passa de 380 mil mortes por Covid; mais de 3 mil delas foram registradas nas últimas 24 horas
BRUTALIDADE
Adolescente queimado por negar sexo com homens morre em hospital
VACINA RUSSA
Governador diz que consórcio vai adquirir 28 milhões da vacina Sputnik V
LUTO NA SAÚDE
Dias após perder os pais, médica de 36 anos morre de Covid-19