Menu
SADER_FULL
sexta, 18 de junho de 2021
Busca
Brasil

Bombeiros registram mais de 50 mortes por afogamento no Estado em 2009

15 Jan 2010 - 15h10Por MS Record

O Corpo de Bombeiros do Estado alerta a população para que tenha mais cuidado durante banhos em rios, lagos e piscinas e assim evitar ocorrências de afogamento. Somente em 2009, Mato Grosso do Sul registrou 53 mortes por afogamento em diversas regiões do Estado. Deste total de óbitos, 43 aconteceram no interior e dez ocorreram em Campo Grande.

De acordo com os bombeiros, os locais considerados mais perigosos para banhos são os rios Taquari, na região de Coxim, o rio Aquidauana e o rio Paraguai, principalmente na região de Corumbá. Nestas áreas são mais frequentes as ocorrências de afogamento, por isso são consideradas regiões perigosas.

O índice de afogamentos de 2009 preocupa por ser bastante superior ao número de óbitos registrados no ano anterior. Ainda segundo dados do Corpo de Bombeiros, em 2008 foram verificadas 32 mortes de pessoas afogadas no Estado.

Dicas de segurança

Para se divertir em piscinas sem grandes preocupações a dica dos bombeiros é que as pessoas utilizem apenas clubes com o certificado de vistoria regularizado e em dia. A certificação tem validade de um ano. Outro cuidado a ser observado é a presença de pelo menos dois salva-vidas a cada 500 metros quadrados de água - exigência prevista na legislação. É desaconselhável nadar sozinho porque pode acontecer alguma cãibra ou cansaço que provoque perda de força e consequentemente o afogamento.

Em rios o risco é maior por causa da força da correnteza e também pela profundidade. A dica é que crianças entrem só em rios rasos e acompanhados de responsáveis maiores de idade e que saibam nadar. Os pequenos também devem estar equipados com bóias ou flutuadores que garantam ainda mais a segurança. Também é importante não sair das margens do rio, onde é mais seguro.

Brincadeiras como “caldos”, “trotes” ou “saltos” devem ser evitadas porque a profundidade de um rio ou de uma piscina pode ser pequena e saltos podem machucar ou contribuir para um possível afogamento.

Deixe seu Comentário

Leia Também

LUTO NA MÚSICA
Cantora gospel que defendia tratamento precoce morre de Covid-19 após ter os pulmões comprometidos
VIDEO
Cliente carrega mangueira sem perceber e bomba pega fogo em posto de combustível de Foz do Iguaçu
AÇÕES DO GOVERNO MS
Reinaldo Azambuja propõe projeto com Itaipu para combater assoreamento nos rios Iguatemi e Amambai
COPA X VIRUS
'Desse jeito, o vírus vai levantar a taça', diz deputado após 52 infectados na Copa América
FAMOSIDADES
Apresentador mostra fotos de viagens românticas com filha de Faustão e se declara
SEIS DIAS DE TERROR
Homem mata uma família e aterroriza moradores em seis dias de fuga deixando rastros de crimes
TRISTEZA E COMOÇÃO
Jovem engenheiro morre em acidente com moto e comove cidade
MUI AMIGO
Homem obriga mulher de amigo a fazer sexo oral e leva surra em delegacia
DOENÇA DO SÉCULO
Homem de 33 anos deixa carta de despedida e tenta pular de ponte
ABSURDO
Família registra boletim de ocorrência após vitima de covid ser sepultado em cemitério errado