Menu
FARMÁCIA_CENTROFARMA_FULL
quinta, 6 de agosto de 2020
SADER_FULL
Busca
ÁGUAS DE BONITO
Brasil

Blatter volta a dizer que tem plano B para a Copa-2010

30 Abr 2007 - 17h22
O presidente da Fifa, Joseph Blatter, voltou a dizer que a entidade tem planos de emergência no caso de a África do Sul não conseguir organizar a Copa do Mundo de 2010.

As declarações de Blatter foram dadas ao programa Inside Sport, da BBC One, e serão transmitidas na segunda-feira à noite, mas foram transcritas antes no site da BBC.

"Outros países estão prontos para organizar a Copa do Mundo", disse Blatter, apesar de indicar que eles não seriam necessários.

Segundo o dirigente, Estados Unidos, Inglaterra, México, Japão e Espanha estariam prontos para assumir a competição. "Definitivamente temos uma possibilidade de ir a outro lugar se algo acontecer."

Blatter ressaltou que em todas as competições devem existir alternativas . "Foi o mesmo na Alemanha. Algo pode acontecer. Uma catástrofe natural ou outra coisa, uma grande mudança na sociedade", disse.

A África do Sul está reformando e construindo dez estádios para o Mundial e tem dito que todos os seus preparativos estarão prontos a tempo.
 
 
 
Folha Online

Deixe seu Comentário

Leia Também

FÁTIMA DO SUL - DICA CIA DO BICHO
Saiba o que são rações terapêuticas, Cia do Bicho destaca vários tipos, confira
BRASIL - 96.326 MORTES
Brasil tem 2.817.473 casos de Covid-19, indica consórcio de veículos da imprensa em boletim das 13h
EXPLOSÃO EM BEIRUTE
Libanês se emociona e diz: Parecia uma bomba atômica, que acabou com tudo
BORA PRA BONITO - MS
Crie laços com a natureza em Bonito, MS!
LUTO NO CIRCO
Palhaço mais velho do Brasil morre aos 77 anos vítima de coronavírus
TRAGEDIA NA RODOVIA
Familia se despede de parentes mortos em acidente na BR-277
NA CASA DELE
Tio estupra criança de 4 anos e dá chocolate para ela não contar
BOCA DA ONÇA É NO MS
Maior cachoeira do MS, Boca da Onça retorna com muitas novidades, confira
ACIDENTE TRÁGICO
Vitimas do acidente na BR 177 são identificadas: 3 são da mesma familia
CORRUPÇÃO NA SAUDE
MP aponta 'vergonhosa fraude' e aciona prefeito a devolver R$ 4,136 milhões