Menu
FARMÁCIA_CENTROFARMA_FULL
terça, 11 de maio de 2021
Busca
Brasil

Barrichello diz que pára se não puder bater alemão

15 Jul 2004 - 13h47

O piloto brasileiro Rubens Barrichello, da Ferrari, disse ao jornal inglês The Sun que irá se aposentar quando achar que não tem condições de vencer o alemão Michael Schumacher.

Barrichello é o vice-líder do Mundial deste ano, com 74 pontos. Já Schumacher é o líder, com 26 pontos a mais que o brasileiro, que não venceu nenhuma corrida na temporada, contra dez vitórias do hexacampeão mundial em 11 etapas.

"Quando pensar que nunca mais poderei competir contra o Michael, vou desistir e fazer qualquer outra coisa na vida. Tenho de chegar em cada corrida acreditando que posso batê-lo. Do contrário, a F-1 não teria mais graça pra mim. Já tenho poles e vitórias, mas preciso acreditar que venho melhorando e disputar o título com ele. Sei que corro contra o melhor piloto do mundo. Mas não é consolo chegar em segundo", disse Barrichello.

 

Terra Redação

Deixe seu Comentário

Leia Também

TRISTEZA NA FAMILIA
Seis pessoas da mesma familia morrem vítimas da Covid-19
NOVAS REGRAS
WhatsApp: o que acontece se você não aceitar novas regras do aplicativo até 15 de maio
FAMOSIDADES
Pai da campeã do 'BBB 21' Juliette vive em casinha de barro na Paraíba
CACHAÇA
Jovem enfia garrafa no ânus durante bebedeira e vai parar no hospital
ESCALADA DA VIOLÊNCIA
Operação mais letal da história deixa 25 mortos no Jacarezinho
VITIMA DO MASSACRE
'Fiquei vendo costurarem os ferimentos. Chorava, orava e agradecia por ele estar vivo, diz mãe
FRIO - FÁTIMA DO SUL NOVA ONDA DE FRIO
Frio de origem polar começa a ser sentido novamente e terá geada
TERROR NA CRECHE
Sob forte emoção moradores de Saudades realizam velório coletivo das vítimas do ataque à creche
CHEGANDO FORTE
Frio chega com força e provoca geada no Sul
TERROR EM CRECHE
Jovem invade escola e mata três crianças e duas funcionárias