Menu
SADER_FULL
sábado, 23 de outubro de 2021
Busca
Brasil

Bancários decidem na segunda-feira se iniciam greve no MS

20 Set 2006 - 10h27

Os bancários de Mato Grosso do Sul decidem na segunda-feira, dia 25, se realizam algum tipo de paralisação. A expectativa é de que na terça-feira, dia 26, eles realizem alguma mobilização, sendo a hipótese de uma paralisação por tempo indeterminado não foi descartada. No Estado são cerca de dois mil bancários.

O presidente do Sindicatos do Bancários de Mato Grosso do Sul, José Aparecido Clementino Pereira, disse que a categoria deve decidir tudo na assembléia. “O movimento nacional deve fazer uma paralisação de 24 horas, mas nada impede que se os bancários do Estado quiserem possam fazer uma greve por tempo indeterminado”, afirma Clementino.

Ele explica que já foram feitas cinco rodadas de negociação, sendo que os bancos da rede privada, federal e estadual devem aderir ao movimento. Hoje o Sindicato deve reunir-se com os representantes do Banco do Brasil e da Caixa Econômica Federal.

A principal reivindicação da categoria é de reajuste salarial. Eles pedem um aumento real de 7,05%, além de uma reposição da inflação, sendo que o total deve chegar a um reajuste de 10%. Além disso, os bancários pedem participação maior nos lucros e resultados sendo o mínimo de 5% do lucro líquido linear e até 15%, mais um salário bruto acrescido de R$ 1,5 mil.

 

 

Mídia Max

Leia Também

OLIMPÍADA 2024
Atletas de MS terão bolsas de até R$ 7 mil para competir nos jogos olímpicos
LIÇÕES DA BÍBLIA
Estudo adicional
VOLTOU A SUBIR
Covid-19: Brasil registra 15.609 casos e 373 mortes em 24 horas
ESTAVA DESAPARECIDO
Corpo de pescador é encontrado dentro de jacaré
LIÇÕES DA BÍBLIA
O principal mandamento
BAIXARAM A GUARDA
Covid-19: Brasil registra 390 mortes e 12,9 mil casos em 24 horas
LIÇÕES DA BÍBLIA
Se me amam, guardarão os Meus mandamentos
OPORTUNIDADE DE EMPREGO
Funtrab está com 655 vagas para indígenas interessados em trabalhar em lavouras de maçã em SC e RS
ALERTA TEMPORAIS
Chance de Tempestades (La Ninã) no final do ano é de 87%, aponta atualização do NOAA
LIÇÕES DA BÍBLIA
Ele nos amou primeiro