Menu
SADER_FULL
sábado, 8 de maio de 2021
Busca
Brasil

Audiência pública discute cogeração de energia em Rio Brilhante

7 Jul 2010 - 08h44Por Notícias MS

Em 2010 a LDC-SEV, união da LDC Bioenergia com a Santelisa Vale, irá investir na ampliação de sua capacidade de cogeração e tem como meta exportar 1GWh/ano de energia. Antecipando a expansão em 300% do potencial atual, a LDC Bioenergia S.A., filial Passa Tempo, apresentará os estudos sobre os impactos ambientais e sociais para ampliar em 60 MWh a capacidade de produção da usina termoelétrica de biomassa anexa a unidade sucroalcooleira. A audiência pública acontece nesta quarta-feira (7), à partir das 19h, na Câmara Municipal de Rio Brilhante.         

 

        

Os participantes vão conhecer os aspectos gerais do projeto, como os impactos que podem ocorrer na região, as medidas que serão destinadas a prevenir (diminuir) os possíveis impactos negativos e os programas ambientais propostos pela indústria. Os presentes poderão esclarecer suas dúvidas bem como pontuar críticas, sugestões e opiniões. O resultado da reunião servirá como subsídio a decisão quanto ao licenciamento ambiental de ampliação do empreendimento.

 

 

          O evento é promovido pelo Instituto de Meio Ambiente de Mato Grosso do Sul (Imasul) e faz parte do processo de expansão da usina termoelétrica de biomassa. Na ocasião também será apresentado o Relatório de Impacto Ambiental (Rima) referente ao licenciamento ambiental da cogeração de energia.

 

 

            O  projeto

 

          Em Mato Grosso do Sul a LDC possui três unidades, uma no município de Maracaju e duas em Rio Brilhante , gerando, atualmente, 3.200 empregos diretos e 1.200 indiretos.

 

 

          A Filial Passa Tempo processa 3,5 milhões de toneladas de cana/safra, produz 3,7 milhões de sacas de açúcar, 182 mil m³ de etanol e gerando 20 MWh. A unidade propõe para 2012 a ampliação na produção de energia com a operação de novos turbogeradores elevando para 80 MWh a capacidade total, um crescimento de 300%. Absorvendo apenas 30 MWh, o excedente de 50 MWh será comercializado no mercado de energia elétrica.

 

 

             Serviço

 

          A audiência será realizada dia 7 de julho, próxima quarta-feira, a partir das 19 horas, na Câmara Municipal de Rio Brilhante, localizada à Rua Athayde Nogueira, n.º 1.207 - Centro. Conheça mais acessando os sites www.imasul.ms.gov.br, www.ldcommodities.com.br. Outras informações: (67) 3387-6088/8125-0322.

 

Deixe seu Comentário

Leia Também

ESCALADA DA VIOLÊNCIA
Operação mais letal da história deixa 25 mortos no Jacarezinho
VITIMA DO MASSACRE
'Fiquei vendo costurarem os ferimentos. Chorava, orava e agradecia por ele estar vivo, diz mãe
FRIO - FÁTIMA DO SUL NOVA ONDA DE FRIO
Frio de origem polar começa a ser sentido novamente e terá geada
TERROR NA CRECHE
Sob forte emoção moradores de Saudades realizam velório coletivo das vítimas do ataque à creche
CHEGANDO FORTE
Frio chega com força e provoca geada no Sul
TERROR EM CRECHE
Jovem invade escola e mata três crianças e duas funcionárias
PÉSSIMA PROJEÇÃO
Covid-19: Brasil deve alcançar 575 mil mortes em 1º de agosto, diz instituto
SONHO INTERROMPIDO
Jovem perde noivo para a Covid-19 no dia do casamento: 'Nossos sonhos ficaram para trás'
PANDEMIA CORONAVIRUS
Triste número: Brasil ultrapassa 400 mil mortes por Covid-19
REVOLTA
Pastor zomba da fé dos indígenas Trukás que revoltados quebram templo em construção; veja o vídeo