Menu
FARMÁCIA_CENTROFARMA_FULL
quinta, 2 de julho de 2020
SADER_FULL
Busca
ÁGUAS DE BONITO
Brasil

Atacante Alberto faz segunda partida após pneumonia

6 Jul 2004 - 16h22
O atacante Alberto, de Campo Grande, destaque do Santos campeão brasileiro de 2002, entra em campo amanhã para sua segunda partida desde que contraiu uma pneumonia, no início da temporada. O jogador ficou praticamente oito meses sem atuar.
A equipe que defende, o Dínamo, de Moscou, vai encarar o Lokomotiv, no clássico que marca a 15ª rodada da competição russa.
Para Alberto, uma vitória numa partida dessa importância pode significar o início de uma arrancada do Dínamo dentro do campeonato. “Ganhar um jogo desse pode dar moral para o grupo e aí sim embalarmos, pois estamos precisando de uma boa seqüência”, comentou.
No sábado passado o atacante brasileiro participou do empate em 0 a 0 entre Kuban Krasnodar e Dínamo de Moscou.
A equipe do Dínamo está na décima posição, contabilizando apenas 16 pontos, depois de disputar 14 jogos e obter três vitórias, sete empates e quatro derrotas.
CG News

Deixe seu Comentário

Leia Também

BRASIL 60 MIL MORTES
Brasil tem 1.456.969 casos de Covid-19, aponta consórcio de veículos da imprensa em boletim das 8h
ELEIÇÕES 2020
Câmara dos Deputados aprova em primeiro turno adiamento das eleições municipais de 2020
100 INTERMEDIÁRIO
Venda direta de etanol das usinas para postos pode aumentar concorrência, diz Bolsonaro
CICLONE BOMBA NO BRASIL
CICLONE BOMBA: Sobe para 10 o número de mortos no Sul do país, VEJA OS ESTRAGOS
FURIA DA NATUREZA
Ao menos nove pessoas morreram devido a ciclone que atingiu Região Sul
NOTÍCIA BOA - BORA COMPARTILHAR
Teste de vacina de COVID-19 funciona e Pfizer pode produzir 1 bi de doses
FÁTIMA DO SUL - INAUGURADO
Fátima do Sul é a escolhida para a 4ª Unidade do Posto Alvorada que comemora 20 anos de sucesso
COVID-19
Brasil tem 1.409.693 casos de Covid-19, aponta consórcio de veículos da imprensa em boletim das 8h
TORMENTA
Tempestade e ventos fortes causam destruição em cidade: “Parece filme de terror”
DIDI
Renato Aragão deixa a Globo, após 44 anos