Menu
SADER_FULL
segunda, 21 de setembro de 2020
FARMÁCIA_CENTROFARMA_FULL
Busca
ZANZI
Brasil

Artuzi completa um mês preso e recebe primeira visita

2 Out 2010 - 09h08Por Dourados Agora

O prefeito afastado de Dourados, Ari Artuzi (expulso do PDT), completa hoje 1 mês preso, após o terremoto político que atingiu a cidade, com a deflagração da Operação Uragano, no dia primeiro de setembro.

A operação da Polícia Federal trouxe a público um esquema de corrupção e pagamento de propinas que envolve a maior parte dos vereadores da cidade, além de secretários e empresários. O chefe seria Artuzi.

Na Capital, conforme o Campograndenews, ás vésperas de completar 30 dias de prisão, o prefeito afastado recebeu a primeira visita de parentes, em uma cela do Garras (Delegacia Especializada de Repressão, Roubos, Assaltos e Sequestros), na avenida Afonso Pena. Uma das filhas de Artuzi, Juliane, de 15 anos, esteve na delegacia para ver o pai.

Segundo o advogado que representa Artuzi, Carlos Marques, a visita da filha foi emocionante, mas uma concessão, pois nas delegacias não são permitidas visitas.

O prefeito de Dourados está no Garras há uma semana, após ser transferido da 3ª Delegacia de Polícia, no bairro Carandá Bosque, onde ficou desde o dia 1º, quando veio transferido de Dourados por motivo de segurança, dado o clima de revolta que tomou conta da cidade.

A mudança de delegacia em Campo Grande também foi justificada com o motivo segurança. A Polícia Civil teria recebido ameaças de morte ao prefeito, não confirmadas por seu advogado.

Carlos Marques diz achar estranho o fato de Artuzi permanecer preso por tanto tempo, “sem os requisitos exigidos para prisão preventiva”. Para ele, a prisão é ilegal e inédita na história política de Mato Grosso do Sul, já que nenhum outro com mandato passou pela mesma situação.

O advogado recorreu ao STJ (Superior Tribunal de Justiça), mas não está otimista. Como o Tribunal de Justiça do Estado ainda não julgou o mérito do pedido de liberdade, apenas a liminar, o STJ pode optar por não se manifestar até que haja o julgamento do mérito.

No judiciário estadual tramita o pedido de habeas corpus e um recurso contra a prisão. O recurso só deve ser votado no dia 19 de outubro e o mérito do habeas corpus não tem prazo.

Deixe seu Comentário

Leia Também

Cissa Amaral morreu no local e Sebastião Faria foi socorrido ACIDENTE FATAL
Enfermeira morre e policial civil fica ferido em acidente de moto
Lucas chegou a ser socorrido, mas morreu neste domingo FORAGIDOS
Jovem sai para buscar cachorro que escapou e é morto com 2 tiros
Os dois estão separados há dois meses e tem dois filhos juntos, os quais estavam morando com a mãe. TRAGÉDIA NA FAMILIA
Motorista da Energisa mata ex-mulher ontem e hoje comete suicídio
COVID-19 NO FUTEBOL
Flamengo tem 6 casos de covid-19, mas Conmebol não aceita adiar jogo da Libertadores
Tumulos quadruplicaram em maior parte dos cemitérios BRASIL - 136.895 MORTES
Saúde atualiza números da pandemia: Brasil tem 363 novos óbitos
Caixa com cenouras de boa qualidade 100 DESPERDÍCIOS
Governo cria Rede de Bancos de Alimentos para combater desperdício
Ainda de acordo com a atualização, 567.369 pessoas estão em acompanhamento e outras 3.753.082 se recuperaram. PANDEMIA
Covid-19: Brasil acumula 4,4 milhões de casos e 134,9 mil mortes
Os beneficiários nascidos em janeiro  3,9 milhões de pessoas  poderão sacar AUXILIO EMERGENCIAL
Caixa abre 770 agências amanhã das 8h às 12h
Apesar do esforço médico a adolescente não resistiu. DESCARGA FATAL
Adolescente segura extensão de energia e morre após sofrer descarga elétrica
Assaltante magro está com um revólver na mão direito e boné na esquerda TERROR NA RODOVIA
Vídeo mostra ação extremamente violenta de ladrões em Rodovia