Menu
FARMÁCIA_CENTROFARMA_FULL
segunda, 17 de fevereiro de 2020
SADER_FULL
Busca
Brasil

Aposentado poderá ter abono se reajuste de 7,7% for vetado

26 Mai 2010 - 07h18Por Agência Brasil

O ministro do Planejamento, Paulo Bernardo, disse há pouco que o veto ao fator previdenciário está definido pelo presidente Luiz Inácio Lula da Silva. Mas, pela reunião de ontem (24), em que também esteve o ministro da Fazenda, Guido Mantega, Paulo Bernardo não está certo sobre o veto ao reajuste de 7,7% para os aposentados, aprovado pela Câmara dos Deputados. Apesar da indefinição, o ministro acredita que Lula não sancionará o reajuste.

Paulo Bernardo lembrou que ele e Mantega aconselharam o veto, mas o presidente disse que, antes de tomar a decisão, iria pensar e ouvir outras pessoas sobre o assunto. Segundo ele, com o veto, o governo não teria como enviar nova medida provisória concedendo o reajuste de 6,14%, modificado pelo Congresso Nacional para 7,7% no projeto de lei em conversão, por se tratar do mesmo assunto. A solução, segundo ele, seria a concessão de um abono com o percentual original da MP, nas aposentadorias e benefícios da Previdência.

De acordo com Paulo Bernardo, o novo governo que assumir em 2011 dará tratamento definitivo ao reajuste. Ele disse, ainda, que a equipe econômica optou pelo abono porque a edição de uma medida provisória com um novo reajuste poderia provocar problemas jurídicos, mesmo se o índice fosse maior que os 6,14% originalmente propostos. “Mesmo se mudássemos o índice, o reajuste já sofreu contestação do Congresso. Além disso, correríamos o risco de entrarmos num leilão de aumentos salariais, o que seria ruim”, explicou.

Ele destacou, no entanto, que o que está garantido, se houver o veto, é apenas a reposição da inflação, que é de 3,54%. “O compromisso do governo era 7%. Como o Congresso extrapolou, não há como fazer voltar os 6,14%, a não ser pela forma de abono.” Paulo Bernardo participou na tarde de hoje (25) de reunião do Comitê Gestor da Copa do Mundo de 2014.

 

Deixe seu Comentário

Leia Também

FEMINICIDIO
Mulher é morta com tiro na cabeça na frente dos filhos
FAMOSOS
Chorando, sertanejo Zezé di Camargo faz grave revelação sobre luta de seu pai contra doença
APLICATIVO
Justiça trabalhista admite como prova conversas por WhatsApp
ATENTADO A ESCLARECER
Deputado federal de MS diz que seu carro foi atingido por 5 tiros e que revidou
MEDULA ÓSSEA
Jovem fica paraplégica por causa de um piercing
ABSURDO
Professora é envenenada em sala de aula por alunos do 4º ano
COMOÇÃO
Despedida de Júlia é um dos velórios mais tristes que Brasília já viu
FAMOSIDADES
Pai do sertanejo Zezé di Camargo, está em situação gravíssima de saúde
VICENTINA - PESQUEIRO 7 BELLO
Domingo especial no Pesqueiro 7 Bello com almoço e o 3º Torneio de Pesca Esportiva em Vicentina
FAMOSIDADES
“Já estou com saudades”, lamenta Ana Maria Braga pela morte da cachorrinha