Menu
FARMÁCIA_CENTROFARMA_FULL
sexta, 18 de junho de 2021
Busca
Brasil

Aliança entre PTB, PV, PCdoB volta a estaca zero

1 Fev 2010 - 09h48Por Dourados Agora

CAMPO GRANDE - A reunião-almoço que estava marcada para sexta-feira entre os principais dirigentes do PTB, PV e PCdoB, na qual discutiram a possibilidade de aliança entre as três legendas, teve de ser adiada devido a ausência de alguns representantes partidários.

 Portanto, a proposta de aliança volta à estaca zero até esta semana, quando os presidentes desses partidos devem agendar novo encontro.

 Segundo o presidente regional do PTB, Ivan Louzada, a reunião não ocorreu devido à ausência do empresário Zelito Ribeiro e do ex-deputado estadual Valdenir Machado.

 “Quando o Zelito chegou já era muito tarde, ele se atrasou porque caiu uma ponte na fazenda dele em Aquidauana”, justificou Louzada, referindo-se ao pré-candidato petebista ao governo de Mato Grosso do Sul, em entrevista ao jornal O PROGRESSO por telefone. 

 Do almoço deveriam participar também os presidentes regionais do PV, vereador de Campo Grande, Marcelo Bluma, e do PCdoB, Moacir Abreu, os ex-deputados estaduais Walter Carneiro e Paulo Estevão, além de outras lideranças partidárias.

 A idéia dessa frente partidária é montar um palanque alternativo, encabeçado por Zelito, visando disputar as eleições de outubro contra o governador André Puccinelli (PMDB) e o ex-governador Zeca do PT. 

 O grupo planeja, além de homologar a candidatura de Zelito ao governo durante convenção em junho, seu vice e um candidato ao Senado.

O PTB vinha sendo cortejado para indicar o candidato a vice na chapa a ser possivelmente liderada por Zeca do PT, mas decidiu caminhar com as próprias pernas no próximo pleito.

 Por meio dessa coligação o grupo pretende eleger de dois a três deputados estaduais e um federal, conforme prevê Louzada.

 Em 2008, o partido apoiou o projeto que garantiu a reeleição do prefeito de Campo Grande, Nelsinho Trad (PMDB), com quem se desentendeu alegando ter sido alijado na hora da composição do secretariado. 

 A falta de atenção dos peemedebistas afastou o partido também do palanque de André Puccinelli, com o aval do presidente do diretório nacional da legenda, Roberto Jefferson (RJ), que, além de criticar o governador, aconselhou candidatura própria ao Parque dos Poderes.

 COMISSÃO 

Para discutir a indicação do candidato a vice-governador o PTB criou uma comissão formada pelos ex-deputados estaduais Walter Carneiro, Valdenir Machado e Paulo Estevão, os empresários Zelito Ribeiro e Edu Pneus, os advogados Sérgio Louzada e Antonio Trindade e o sargento da reserva Albinele.

 As direções do PV e do PCdoB, eventuais aliados do PTB na campanha eleitoral deste ano, também devem criar comissões semelhantes, conforme Ivan Louzada.

Deixe seu Comentário

Leia Também

VIDEO
Cliente carrega mangueira sem perceber e bomba pega fogo em posto de combustível de Foz do Iguaçu
AÇÕES DO GOVERNO MS
Reinaldo Azambuja propõe projeto com Itaipu para combater assoreamento nos rios Iguatemi e Amambai
COPA X VIRUS
'Desse jeito, o vírus vai levantar a taça', diz deputado após 52 infectados na Copa América
FAMOSIDADES
Apresentador mostra fotos de viagens românticas com filha de Faustão e se declara
SEIS DIAS DE TERROR
Homem mata uma família e aterroriza moradores em seis dias de fuga deixando rastros de crimes
TRISTEZA E COMOÇÃO
Jovem engenheiro morre em acidente com moto e comove cidade
MUI AMIGO
Homem obriga mulher de amigo a fazer sexo oral e leva surra em delegacia
DOENÇA DO SÉCULO
Homem de 33 anos deixa carta de despedida e tenta pular de ponte
ABSURDO
Família registra boletim de ocorrência após vitima de covid ser sepultado em cemitério errado
ANTECIPAÇÃO
Governo antecipa pagamento de parcelas do auxílio emergencial