Menu
FARMÁCIA_CENTROFARMA_FULL
sexta, 22 de outubro de 2021
Busca
Brasil

Agricultura reduz área plantada em até 5,3% em 2006

5 Out 2006 - 13h27
 

O Brasil deve colher entre 117,7 milhões e 120,6 milhões de toneladas de grãos na região centro-sul na próxima safra (2006/2007), o que significará uma redução de 1,8% ou um aumento de 0,6% em relação à safra atual (119,9 milhões de toneladas).

Os números fazem parte do primeiro levantamento de intenção de plantio realizado pela Conab (Companhia Nacional de Abastecimento), cujos resultados foram divulgados hoje pelo ministro da Agricultura, Luís Carlos Guedes.

A pesquisa, realizada entre os dias 18 e 22 de setembro, aponta ainda para uma redução de 3,3% a 5,3% na área plantada em relação à safra anterior (47,3 milhões de hectares), com redução principalmente nas áreas plantada de soja (entre 7,6% e 5,1%), de milho (de 1,1% a 3,4%) e de trigo (25,9%).

Apesar dos números pouco otimistas, em relação aos levantamentos iniciais das duas últimas safras, que estimavam produção recorde de grãos (acima de 123,2, registrada na safra 2002/2003), o ministro considerou os números levantados pela Conab positivos, principalmente se comparados com estimativas de queda na produção e na área plantada da ordem de 10 a 15%, como chegou a prever o setor recentemente.

Na avaliação de Guedes, apesar das dificuldades enfrentadas pela agricultura nos dois últimos anos por causa da estiagem em algumas regiões, do câmbio desfavorável e da queda de preços, o produtor rural ainda tem demonstrado confiança nas políticas de apoio que foram anunciadas pelo governo e no mercado. Para o ministro, 2007 será um ano de "retomada".

Segundo Guedes, os dados meteorológicos para 2007 apontam para um ano normal, provavelmente sem a seca que prejudicou a agricultura nas duas últimas safras.

Ao analisar os dados da Conab, ele destacou que a manutenção da produção em níveis próximos da safra anterior, mesmo com uma área plantada menor, demonstra que está havendo ganhos de produtividade, incorporação de tecnologia e seleção de áreas mais produtivas.

A forte retração observada para o trigo, que terá uma redução de 25,9% na área plantada e 49,9% na produção também foi apontada pelo ministro como um dos fatores que afetarão a produção de grãos. A expectativa da Conab é a de uma produção de 2,44 milhões de toneladas, contra 4,87 registrada na safra anterior.

Ele informou que a produção de grãos poderia crescer entre 0,2% e 2,7%, se fossem excluídos os dados referentes ao trigo, que teve um ano "muito atípico", com problemas climáticos e preços em queda. A redução na área plantada de grãos também seria menor: entre 2,1% e 4,2%.

A produção de soja na safra 2006/2007 deverá crescer de 0,2% a 3%, segundo o levantamento da Conab, ficando entre 53,54 milhões de toneladas e 55,03 milhões, mesmo com uma redução de até 7,6% na área plantada.

A pesquisa também revela que 2007 deverá ser um ano bom para os produtores de algodão. A melhora nos preços do produto nos mercados interno e externo e a perspectiva de incremento das exportações deve elevar a área plantada entre 12,5% e 18,4% na próxima safra. Já a produção deve crescer entre 16,2% e 22,6%, no caso do caroço de algodão.

 

 

Folha Online

Leia Também

OLIMPÍADA 2024
Atletas de MS terão bolsas de até R$ 7 mil para competir nos jogos olímpicos
LIÇÕES DA BÍBLIA
Estudo adicional
VOLTOU A SUBIR
Covid-19: Brasil registra 15.609 casos e 373 mortes em 24 horas
ESTAVA DESAPARECIDO
Corpo de pescador é encontrado dentro de jacaré
LIÇÕES DA BÍBLIA
O principal mandamento
BAIXARAM A GUARDA
Covid-19: Brasil registra 390 mortes e 12,9 mil casos em 24 horas
LIÇÕES DA BÍBLIA
Se me amam, guardarão os Meus mandamentos
OPORTUNIDADE DE EMPREGO
Funtrab está com 655 vagas para indígenas interessados em trabalhar em lavouras de maçã em SC e RS
ALERTA TEMPORAIS
Chance de Tempestades (La Ninã) no final do ano é de 87%, aponta atualização do NOAA
LIÇÕES DA BÍBLIA
Ele nos amou primeiro