Menu
FARMÁCIA_CENTROFARMA_FULL
domingo, 17 de janeiro de 2021
Busca
Brasil

Agricultor familiar recebe bônus do Programa de Garantia de Preços para 20 produ

15 Fev 2011 - 17h20Por

Os agricultores familiares que cultivam 20 tipos de produtos poderão obter, neste mês, bônus do Programa de Garantia de Preços para financiamento da produção.

As culturas que serão atendidas são :açaí (fruto), arroz longo fino em casca, babaçu (amêndoa), banana, borracha natural (extrativista) - bioma amazônia, borracha natural (heveicultura), cará/inhame, castanha de caju, cebola, feijão, leite, mamona, pequi (fruto), piaçava (fibra), sisal, sorgo, tomate, trigo, triticale e umbu (fruto).

A portaria do Programa de Garantia de Preços para a Agricultura Familiar (PGPAF) foi publicada nesta segunda-feira (14), no Diário Oficial da União (DOU).

Os preços de mercado e o bônus de desconto referem-se ao mês de janeiro de 2011 e têm validade para o período de 10 de fevereiro a 09 de março de 2011.

O produto com maior bônus este mês é a borracha natural – bioma amazônia (65,71%) no estado do Maranhão.

As plantações cultivadas em maior número de estados que contam com o bônus é o feijão e a borracha natural (7 estados). Para o feijão, o maior bônus é no estado do Paraná (PR), com 17,71%.

Como funciona o programa

O PGPAF permite que o agricultor familiar pague os financiamentos de custeio e investimento com um bônus (desconto), que corresponde a diferença entre os preços garantidores e o preço de mercado, nos casos em que o valor do produto financiado esteja abaixo do preço de garantia.

Atualmente, o programa abrange: abacaxi, açaí (fruto), algodão em caroço, alho, amendoim, arroz longo fino em casca, babaçu (amêndoa), banana, baru (fruto), borracha natural cultivada (heveicultura), borracha natural extrativa, café, cana-de-açúcar, cará, carne de caprino, carne de ovino, castanha de caju, castanha do Brasil (em casca), cebola, feijão, girassol, inhame, juta, leite, maçã, malva, mamona em baga, mangaba (fruto), milho, pequi (fruto), piaçava (fibra), pimenta do reino, carnaúba, pó cerífero de carnaúba e cera de carnaúba, raiz de mandioca, sisal, soja, sorgo, tomate, trigo, triticale, umbu (fruto) e uva.

Cálculo do PGPAF

O bônus do PGPAF é calculado mensalmente pela Companhia Nacional de Abastecimento (Conab). A Conab faz um levantamento nas principais praças de comercialização dos produtos da agricultura familiar e que integram o PGPAF.

Os bônus das operações de custeio e investimento ficam limitados a R$ 5 mil anuais por beneficiário do crédito rural.

Nas operações de investimento do Pronaf, o bônus pode ser concedido bastando que um único produto incluído no PGPAF seja gerador de 35%, ou mais, da renda estimada pelo agricultor para o pagamento do financiamento.(Ministério do Desenvolvimento Agrário)

Deixe seu Comentário

Leia Também

PROVA DO ENEM
Confira as medidas de segurança durante a prova do Enem
SAIU O EDITAL
Com salário de até R$ 23,6 mil, Polícia Federal abre inscrição em concurso no dia 22
DESESPERO EM MANAUS
Médicos e familiares de pacientes descrevem colapso com falta de oxigênio em Manaus; leia relatos
AUXILIO POPULAÇÃO
Caixa libera saque da última parcela do auxílio emergencial a aniversariantes em julho
HORROR NA NOITE
Crianças são encontradas chorando ao lado de corpos de pais assassinados
DOR E DESCASO
Filho é obrigado abrir cova para enterrar próprio pai por não encontrar coveiro em cemitério
SEUS DIREITOS
Trabalhador afastado por Covid-19 tem direito a auxílio-doença do INSS
COM DESCONTOS
Veja as opções de pagamento do IPVA com desconto
CASA PRÓPRIA
Casa Verde e Amarela substitui Minha Casa Minha Vida com opção para renegociar dívidas e menos juros
FINALISTA LIBERTADORES
Santos atropela Boca Jr e terá o Palmeiras numa final Brasileira