Menu
FARMÁCIA_CENTROFARMA_FULL
quarta, 27 de outubro de 2021
Busca
Brasil

Agentes de MS serão os primeiros do país a portar armas

13 Jul 2006 - 08h48
O governador Zeca do PT assinou hoje convênio para capacitar os agentes penitenciários do Estado a portar armas de fogo fora dos presídios. A iniciativa é pioneira em todo Brasil além de atender à reivindicação dos agentes e ir ao encontro das ações tomadas pelo governo federal para combater a violência. O curso começa neste dia 25 e vai capacitar todos os 1.334 servidores penitenciários do Estado, o Cigcoe (Centro Integrado de Gerenciamento de Crises e Operações Especiais) será responsável pelo curso.

O secretário de Coordenação Geral do Governo e de Justiça e Segurança Pública, Raufi Marques, afirmou também que o governo está buscando a redução do preço das armas para os agentes. "Vamos estudar uma redução do ICMS e estamos em contato com o governo federal para conseguir isenção do IPI", disse Raufi. As isenções serão para apenas uma arma e todas as armas serão controladas pela polícia federal, como todo porte de arma concedido atualmente.

O convênio foi assinado pelo governador Zeca do PT, pelo secretário Raufi Marques, comandantes da Polícia Militar, coronel Ademar Brites, do Corpo de Bombeiros, coronel José Arquimedes Neto, diretor geral da Polícia Civil, delegado Wagner Silva e com o diretor-presidente da Agepen (Agência de Administração do Sistema Penitenciário), Luís Carlos Telles Júnior.


Força Nacional - O secretário Raufi marques destacou que Mato Grosso do Sul "não está abrindo mão de nenhuma ajuda que nos é oferecida". Além de pagar o 3º melhor salário para agente penitenciário do país, de estar construindo novos presídios e de ser pioneiro neste curso para agentes penitenciários, o secretário já pediu extra-oficialmente que a Força Nacional presente no Estado continue por mais 30 dias.

Raufi explicou que o Ministério Público, em reunião com o Gabinete de Gestão Integrada, solicitou a permanência por mais 30 dias da Força e o secretário levou o pedido ao governo federal.


Transferência de presos - Raufi também informou que os órgãos de inteligência do governo estão elaborando uma lista com o nome de 20 presidiários que serão enviados para o presídio de Catanduva, no Paraná. A transferência será até o fim deste mês.
 
 
APn

Leia Também

LIÇÕES DA BÍBLIA
Julgue com justiça
LIÇÕES DA BÍBLIA
Amem o estrangeiro
LIÇÕES DA BÍBLIA
Circuncidem seu coração
OLIMPÍADA 2024
Atletas de MS terão bolsas de até R$ 7 mil para competir nos jogos olímpicos
LIÇÕES DA BÍBLIA
Estudo adicional
VOLTOU A SUBIR
Covid-19: Brasil registra 15.609 casos e 373 mortes em 24 horas
ESTAVA DESAPARECIDO
Corpo de pescador é encontrado dentro de jacaré
LIÇÕES DA BÍBLIA
O principal mandamento
BAIXARAM A GUARDA
Covid-19: Brasil registra 390 mortes e 12,9 mil casos em 24 horas
LIÇÕES DA BÍBLIA
Se me amam, guardarão os Meus mandamentos