Menu
FARMÁCIA_CENTROFARMA_FULL
domingo, 24 de janeiro de 2021
Busca
FÁTIMA DO SUL

Acusado de mandar menor matar no réveillon de 2010 vai a júri em Fátima do Sul

Guilherme Henrique Costa Gama, será julgado no dia 22 de junho

16 Mai 2011 - 16h50Por Washington Lima / Fátima News

Guilherme Henrique Costa Gama, será julgado no dia 22 de junho, sob a acusação de homicídio doloso, na praça central de Fátima do Sul.

No dia 01 de janeiro de 2010, por volta das 04 horas e 30 minutos, por motivo torpe, Guilherme Henrique teria indicado um menor, que desferisse disparos de arma de fogo contra a vítima Marcio Rodrigues Barbosa, causando-lhe a morte, onde um dos disparos teria atingido a vítima Adriana Cordeiro da Silva, que foi socorrida a tempo a um hospital local.

Guilherme Henrique teria corrompido o menor, com ele praticando infração penal ou induzindo a praticá-la. Os jurados ainda julgarão se os crimes de homicídio e de tentativa de homicídio por erro na execução teriam sido cometidos por motivo torpe, consistente na desavença anterior com o ofendido por uma dívida de R$ 10,00 (dez reais).

Deixe seu Comentário

Leia Também

GANGUE DO TIJOLO
Menores entre 13 e 17 anos formam bando e fazem 'arrastão'; veja vídeo
LUZ DO DIA
Empresário é executado com três tiros dentro de carro
SELFIE DA MORTE
Professora tenta tirar selfie e morre afogada ao cair no mar
tratamento precoce prefeito curitiba 100 TRATAMENTO
"Estão no Cemitério", diz prefeito de Curitiba sobre pessoas que usaram tratamento precoce Covid-19
A CASA CAIU
Mulher invade casa e flagra namorado fazendo sexo com outra; veja vídeo
LINHA DE FRENTE
'Ele lutou até o final', diz irmã de médico de 28 anos, após quase um mês morreu de Covid-19
SEU BOLSO
Litro da gasolina sobe R$ 0,15 nas refinarias da Petrobras
ESTUPRO DE VULNERÁVEL
Na calada da noite, namorado da avó estupra criança de 12 anos e é espancado por vizinhos
CONCURSO PÚBLICO
Concurso da Aeronáutica somam com as 21 mil vagas em outros concursos que a semana oferece
DEU RUIM
Jovem é atingido por raio enquanto usava celular no banheiro