Menu
FARMÁCIA_CENTROFARMA_FULL
terça, 26 de outubro de 2021
Busca
Brasil

Acusado de 42 mortes é condenado a 20 anos no MA

25 Out 2006 - 06h27
O mecânico Francisco das Chagas Rodrigues de Brito, 41 anos, acusado de matar 42 meninos durante 13 anos, foi condenado na madrugada de hoje a 20 anos e 8 meses de prisão por homicídio duplamente qualificado (motivo torpe e sem condições de defesa) pela morte de J.V.S., 15 anos. A sentença foi proferida por volta das 2h30, na Comarca de São José de Ribamar, região metropolitana de São Luís, no Maranhão. O julgamento havia começado na segunda-feira.

Segundo o Ministério Público do Maranhão, Brito matou 30 meninos no Estado e outros 12 em Altamira (PA), entre 1991 e 2004. Quando cometia os crimes, Brito emasculava os adolescentes, ou seja, cortava suas genitálias.

Inicialmente, o mecânico deve cumprir em regime fechado a pena - 19 anos pelo homicídio e 1 ano e 8 meses por ocultação do cadáver. O réu não poderá recorrer da pena em liberdade e, após o julgamento, foi recolhido à penitenciária de São Luís, localizada no bairro de Pedrinhas, onde divide cela com outro detento.

Os jurados aceitaram parcialmente a tese da defesa e consideraram o réu semi-imputável. Com isso, a pena foi menor. O advogado de Brito, Erivelton Lago, se baseou em laudo psiquiátrico segundo o qual Chagas tem transtorno de personalidade anti-social, o que faz com que ele tenha discernimento do caráter ilícito de suas ações, mas não possua auto-determinação para evitá-las.

Lago adiantou que não pretende recorrer da decisão e afirmou que poderá sair do caso, na hipótese de realização dos próximos julgamentos em separado.

O mecânico confessou nesta terça-feira ter matado o menino J.V.S., mas negou ter emasculado e matado as doze crianças em Altamira. A negativa chamou a atenção das entidades de defesa da criança porque, em depoimentos anteriores, Chagas havia confessado seus crimes.

A maioria dos meninos trabalhava em atividades informais e morava em ocupações ou mutirões na periferia. Brito está preso na penitenciária de São Luís, onde vai aguardar os próximos julgamento. O mecânico é considerado pela Justiça do Maranhão o maior assassino em série do Estado e um dos maiores do País.

Ainda não há definição do formato e data do julgamento do mecânico quanto aos outros 41 assassinatos.

 

 

Terra Redação

Leia Também

LIÇÕES DA BÍBLIA
Amem o estrangeiro
LIÇÕES DA BÍBLIA
Circuncidem seu coração
OLIMPÍADA 2024
Atletas de MS terão bolsas de até R$ 7 mil para competir nos jogos olímpicos
LIÇÕES DA BÍBLIA
Estudo adicional
VOLTOU A SUBIR
Covid-19: Brasil registra 15.609 casos e 373 mortes em 24 horas
ESTAVA DESAPARECIDO
Corpo de pescador é encontrado dentro de jacaré
LIÇÕES DA BÍBLIA
O principal mandamento
BAIXARAM A GUARDA
Covid-19: Brasil registra 390 mortes e 12,9 mil casos em 24 horas
LIÇÕES DA BÍBLIA
Se me amam, guardarão os Meus mandamentos
OPORTUNIDADE DE EMPREGO
Funtrab está com 655 vagas para indígenas interessados em trabalhar em lavouras de maçã em SC e RS