Menu
SADER_FULL
terça, 28 de setembro de 2021
Busca
Brasil

Acordo com a PF permite registro de arma de fogo pelos Correios

14 Out 2009 - 06h23Por Assessoria

Solicitar o registro de arma de fogo ou renovar registro já existente ficou mais fácil. As 6.131 agências próprias de Correios, em todo o Brasil, já recebem pedidos de registro de armas de fogo de uso permitido e solicitação de renovação do registro de armas cadastradas nos órgãos estaduais que não obtiveram o registro federal, ou das armas que obtiveram registro federal, mas que estão com prazo de validade vencido ou por vencer em 2009.

 

O serviço faz parte do Acordo de Cooperação Técnica assinado entre a ECT e o DPF. O objetivo do acordo é facilitar o acesso dos cidadãos interessados em regularizar a situação de suas armas. O DPF buscou o apoio dos Correios pela confiabilidade que a marca desfruta junto à população e por sua presença em todos os municípios brasileiros. A opção de atendimento pelos Correios diminui o tempo e os custos de deslocamento para os que buscam a regularização das armas. Antes, o serviço era prestado exclusivamente nas cidades brasileiras onde existem representações do DPF.

 

O interessado no registro ou renovação não deverá levar a arma para os Correios. Para o registro, basta que compareça a uma agência credenciada, munido dos originais e cópias da identidade ou qualquer outro documento original com foto, CPF, e comprovante de residência. É necessário ter em mãos o número de série, marca, espécie e calibre da arma. Nas renovações, serão exigidos original e cópia do Certificado de Registro da arma.

 

O prazo para a regularização (registro ou renovação) é até dia 31 de dezembro próximo. Depois desse prazo, só restará ao cidadão que possui arma de fogo sem o registro federal entregá-la mediante indenização, não podendo mais regularizá-la. Após aquela data, somente os registros federais serão renovados, observando-se o prazo de validade do registro, que é de três anos.

 

O valor do serviço de atendimento, remessa e recebimento de documentos do DPF, emissão de aviso de chegada e entrega do Certificado de Registro de Arma de Fogo definitivo é de R$ 6,50. É preciso estar atento às regras da Polícia Federal para retirada ou renovação do registro, pois o pedido pode ser negado e, nesse caso, o valor pago pelo serviço não será devolvido.

 

Para os Correios, esta é uma oportunidade não só de inovar na prestação dos serviços aos cidadãos como também de contribuir com o Governo Federal na Campanha de Desarmamento e de Regularização de Armas de Fogo.

 

Leia Também

CARRO DESGOVERNADO
Aluno de 13 anos é atropelado e prensado contra muro de colégio por carro desgovernado
SOB INVESTIGAÇÃO
Amigos saem para pescar e encontram cadáver boiando em rio
DESASTRE AÉREO
Diretor da UPA que sofreu acidente aéreo no Pantanal morre em hospital
COVID-19
Covid-19: Brasil tem 15,7 mil novos casos e 537 mortes em 24 horas
+ AUMENTO
Gasolina sobe pela 8ª semana seguida nos postos, aponta ANP
PAN AMERICANO JUNIOR
Atleta de MS carregará as cores do Brasil no vôlei de praia nos Jogos Pan-Americanos Júnior
LIÇÕES DA BÍBLIA
Prefácio de Deuteronômio
ROTA BIOCEÂNICA
Comissão mista homologa consórcio que vai construir ponte da Rota Bioceânica em MS
CASTELO DE AREIA
Idoso casa com prostituta 35 anos mais nova e flagra com outro
DOENÇA DO SÉCULO
Servidor público é encontrado pendurado em árvore