Menu
FARMÁCIA_CENTROFARMA_FULL
domingo, 12 de julho de 2020
SADER_FULL
Busca
ÁGUAS DE BONITO
Brasil

Abertura da Copa 2006 na Alemanha vira polêmica

14 Set 2004 - 10h24
O gesto do técnico Juergen Klinsmann, declinando da tradição de jogar a partida inaugural da Copa de 2006 e transferindo a “honra” para o Brasil, teve repercussões opostas na Alemanha. O presidente do Comitê Organizador, Franz Beckenbauer, topou e pôs a cereja no bolo de Klinsmann, dizendo tratar-se de “novo reconhecimento à atuação dos brasileiros em 2002”.
      Já o prefeito Christian Ude, de Munique, onde se iniciará o Mundial, em 9 de junho, soltou os cachorros: “Seria impensável a Alemanha não figurar nesse jogo, que é o mais visto em todo o mundo, junto com a final.” Além disso, observou Ude, nas negociações para construir o estádio Allianz Arena, “ficou prometido que o país-sede seria um dos participantes”.
      Os vices do Comité Organizador, Horst R. Schmidt e Wolfgang Niersbach, rebateram o prefeito, negando qualquer acordo. A decisão virá só em dezembro de 2005, pela Comissão de Organização da FIFA, dirigida pelo sueco Lennart Johansson.
 
O Povo Brasil

Deixe seu Comentário

Leia Também

PANDEMIA CORONAVIRUS
Filho de ex-jogador famoso vende geleias e não vê o pai há nove anos
SOB INVESTIGAÇÃO
Maria Aldenir lutou com assassino, mas viu a filha ser morta com 24 facadas
AVANÇO DA PANDEMIA
Mais 903 casos e 33 mortes por coronavírus foram registrados em 24h em MT
BRASIL - 71.515 MORTES
Brasil tem 1.842.127 casos de Covid-19, aponta consórcio de veículos da imprensa em boletim das 8h
MAIS UM
Vírus com potencial pandêmico é detectado pela Fiocruz no Paraná
VÍTIMAS DE COVID-19
Mãe de médico morre horas após o filho e dois dias após o pai, vítimas da covid
VÍTIMA DE COVID-19
Covid tira de cena um dos últimos montadores do carro brasileiro
CD TRIBUTO AO PADRE ZEZINHO
No ano em Padre Zezinho faz 79 anos, Manoel Caires lança seu primeiro CD 'Tributo ao Padre Zezinho'
PAGAMENTO DO AUXILIO
Confira o calendário para saque em dinheiro do auxílio emergencial
AUXILIO EMERGENCIAL
Governo vai liberar mais 1,5 milhão de auxílios. Saiba como reclamar se o seu for negado