Menu
LIMIT ACADEMIA
sábado, 23 de fevereiro de 2019
SADER_FULL
Busca
ITALÍNEA
SOLIDARIEDADE

Pedreiro enfrenta 2º tumor no cérebro e pede ajuda para cirurgia de R$ 106 mil

Aroldo procurou o SUS, mas terá que aguardar de 5 a 7 anos para passar pelo procedimento

28 Nov 2018 - 12h03Por Topmidia News

Enfrentando pela segunda vez um tumor no cérebro, Aroldo Servim dos Santos, 27 anos, pede ajuda para fazer uma cirurgia que custa em torno de R$ 106 mil. O pedreiro afirma que não pode voltar a exercer a atividade profissional e tentou agendar a cirurgia através do SUS (Sistema Único de Saúde), mas terá que aguardar de 5 a 7 anos para passar pelo procedimento.

“O tumor está crescendo muito rápido, não tem como esperar pelo SUS. O médico disse que não posso trabalhar enquanto não fizer uma nova cirurgia. Eu fiz essa cirurgia ano passado, retirei o tumor, só que agora estou com outro, quase do mesmo tamanho do que retirei e preciso fazer cirurgia com urgência. Segundo os médicos, vai ficar R$ 106 mil tudo, contando cirurgia, pós-operatório, internação. Preciso correr contra o tempo”, afirma o jovem.

Aroldo relembra que foi em uma crise convulsiva que descobriu o problema no cérebro. “Eu convulsionei, fui para o hospital e lá descobriram o primeiro tumor, em dezembro de 2016. O doutor tinha dito que eu não teria problema em esperar a cirurgia porque ele não crescia. Consegui operar e fui orientado a ficar tomando fenitoína por seis meses para impedir crises convulsivas. Quando parei com a medicação, voltei a convulsionar, procurei um médico particular, fiz tomografia e descobrimos que tem outro tumor”.

De acordo com o pedreiro, o médico acredita que tenha ficado vestígios da doença, que acabaram crescendo novamente. “O médico ainda não sabe se é um novo, mas tudo indica que é um pedaço do outro tumor que ficou e cresceu de novo”.

Casado, pai de dois filhos, Aroldo sonha em parar de viver o pesadelo de não ter recursos para buscar a cura. “Preciso de ajuda, estou desempregado, minha família depende de mim. Já busquei duas vezes o auxílio doença no INSS - Instituto Nacional do Seguro Social, mas tive o pedido negado. Agora estou tentando novamente e espero conseguir”.

Para ajudar Aroldo ligue 67-99121-5816 ou  99139-7565.

Deixe seu Comentário

Leia Também

AÇÃO PRO YURI
Menino de dois anos precisa de R$ 300 mil para transplante de medula óssea
DOE 5 ML DE AMOR
Trote do Bem aumenta o número de doadores voluntários de medula óssea
TRISTE NOTÍCIA NO MS
Universitária é encontrada morta no portão da casa e comove cidade de MS
IVINHEMA - FUTSHOW 25 ANOS
IVINHEMA: Futshow completa 25 anos e entrega novas camisas, Confira algumas fotos
VIOLENCIA DOMESTICA
Reconstrução de rosto de mulher espancada na Barra vai durar seis meses, diz médico
REFORMA DA PREVIDÊNCIA
Aposentadoria é para viver, não para receber só à beira da morte
FALTA TUDO
Escassez no HRMS da capital atinge medicamentos e até carne para alimentar pacientes
FÁTIMA DO SUL - O BOTICÁRIO
O Boticário apresenta Quasar Brave, venha conferir no O Boticário em Fátima do Sul
DEODÁPOLIS - AÇÃO DA FORÇA TÁTICA
Força Tática apreende 537 quilos de cocaína avaliado em R$ 20 milhões em Deodápolis
FÁTIMA DO SUL - FORÇA HEDDER
Família comemora grande milagre na vida de Hedder de Fátima do Sul