Menu
LIMIT ACADEMIA
sábado, 23 de março de 2019
FARMÁCIA_CENTROFARMA_FULL
Busca
ÁGUAS DE BONITO
avanço da medicina

Bebê nasce três meses após mãe sofrer morte cerebral na Hungria

14 Nov 2013 - 14h15Por Terra

Um bebê húngaro sobreviveu três meses no útero de sua mãe que foi declarada em estado de morte cerebral e que os médicos mantiveram viva com ajuda de aparelhos o tempo suficiente para que o feto terminasse de crescer, informa nesta quinta-feira o jornal Népszabadság.

A mãe sofreu um derrame no cérebro na 15ª semana de gravidez e teve morte cerebral, mas os médicos mantiveram suas funções vitais ativas até que em julho o bebê nasceu por cesariana, após sete meses de gravidez.

Durante três meses, a gestação continuou com o organismo da mãe sob rigoroso controle, em temperatura controlada e a irrigação sanguínea ativa.

A equipe médica contou que um rádio foi mantido ligado perto do corpo da mulher para cercar o feto de vozes humanas e favorecer seu desenvolvimento.

Os médicos, que não revelaram nem o nome nem o sexo do bebê, confirmaram que a criança passa bem.

Deixe seu Comentário

Leia Também

FÁTIMA DO SUL - INDICAÇÃO
Diego sugere estudos para prevenção de suicídio, uso de drogas e outros com alunos da REME de Fátima
INCRIVEL
Jovem virgem que nunca namorou dá à luz um menino
DOURADOS - COMBATE A DENGUE
Após morte, moradores programam limpeza em área nobre de Dourados
ALARMANTE
Dengue hemorrágica causa morte de menino de 11 anos em Dourados
PREOCUPANTE
Em uma semana, MS tem 336 notificações de dengue por dia
FATIMA DO SUL - POLACO RESTAURANTE
Quinta Feira da Panqueca é no Polaco Restaurante de Fátima do Sul
SIM A VIDA
O bebê que está mudando o debate sobre o aborto
DESCASO
Bebê morre após parto feito pelo pai em ambulância sem médico
FAMOSIDADES
Aos 58 anos, atriz Tássia Camargo sofre infarto e está na UTI de Hospital em Portugal
FÁTIMA DO SUL - PARTO HUMANIZADO
Hospital da Sias Desenvolve com eficiência Programa Nacional do Parto Humanizado em Fátima do Sul