Menu
SADER_FULL
quarta, 12 de dezembro de 2018
LIMIT ACADEMIA
Busca
CANTINA BAH
NOVA ALVORADA DO SUL

Com ventos de 136 km/hora, cidade é atingida por temporal

Em Nova Alvorada choveu das 2h da manhã até 15h, com 95,4 milímetros de chuva

24 Nov 2018 - 06h14Por Correio do Estado

O balanço das chuvas registradas durante toda sexta-feira (23), em Mato Grosso do Sul, aponta estragos consideráveis e a cidade mais afetada foi Nova Alvorada do Sul, em razão dos ventos que superaram 135 km/hora.

As informações foram divulgadas pelo meteorologista, Natálio Abrahão Filho, que esclareceu sobre alagamentos e enchentes. "Em Nova Alvorada choveu das 2h da manhã até 15h, com 95,4 milímetros de chuva e a velocidade do vento foi uma das mais fortes registradas nos últimos dez anos", observa. 

Além de Nova Alvorada do Sul obtiveram alto índice pluvial os seguintes municípios: Bela Vista (59,2 mm), Porto Murtinho (50,40 mm) e Bonito (42,6 mm). Em Campo Grande, a média foi de 23,2 milímetros, o que representa 14,5% do que é esperado para todo mês de novembro (164,2 milímetros).

Abrahão destaca ainda que a previsão para sábado (24 de novembro) é de chuva e vento em todas as regiões e o sol retorna apenas no domingo (25 de novembro). "No sábado teremos mais chuvas, trovoadas e rajadas de vento, com chance de alagamentos em Campo Grande, Três Lagoas, Maracaju e Corumbá", finaliza. 

SITUAÇÃO DE NOVA ALVORADA

Conforme apurado pelo site Nova Alvorada Informa, a chuva desta sexta-feira (23) resultou em vários transtornos causados por um temporal intenso que provocou enxurrada em várias ruas e alagamentos, prejudicando os comerciantes com negócios localizados às margens da BR-163. 

O temporal começou na madrugada e deu uma trégua no início da manhã. Por volta das 9h a chuva ganhou novamente intensidade e provocou mais transtornos. Em duas horas e meia de precipitação,  o temporal causou 52 milímetros de chuva e até o final da precipitação, totalizou 95,4 mm.

Muita sujeira foi arrastada com a forte enxurrada no cruzamento da Avenida Antônio Diniz Gonçalves com a Rua Coronel Confúcio Pamplona, provocando um alagamento que impedia o acesso da população aos estabelecimentos comerciais. 

Deixe seu Comentário

Leia Também

EX PRESIDIARIO
Rapaz é encontrado enforcado às margens da MS-156
TRAGÉDIA NA FAMILIA
Menor mata a própria avó a facadas em Itaporã
REENCONTRO
Mulher de Rondônia consegue localizar parentes na região de Nova Andradina
FRONTEIRA VIOLENTA
Com 30 execuções em 2018, fronteira de MS é comparada a morro carioca em guerra por domínio do tráfi
MARACAJU
Esfaqueamento onde a mãe da vítima é presa em cumprimento a mandado de prisão
MARACAJU
Colisão entre veículos à cerca de 70 km de Maracaju deixa vítima fatal presa em ferragens
SOLIDARIEDADE
Mãe de Luiz Cláudio pede ajuda para bazar solidário
GUERRA DO TRÁFICO
Ex-presidiário é morto com 18 tiros de pistola 9mm na fronteira
NAVIRAI
Incêndio destrói casa na madrugada
EXPULSÃO
PT de Nova Andradina pede mandato de vereador e a expulsão de partido