Menu
SADER_FULL
domingo, 21 de julho de 2019
FARMÁCIA_CENTROFARMA_FULL
Busca
AGÊNCIA BONITO THIAGO
CARAVANA DA SAUDE MS

Reinaldo Azambuja dá início à nova etapa da Caravana da Saúde

Em uma estrutura montada no estacionamento do Hospital Regional Rosa Pedrossian, na Capital, a Caravana da Saúde iniciou uma nova etapa nesta segunda-feira (17.6)

17 Jun 2019 - 13h55Por Portal do MS

Campo Grande (MS) – Em uma estrutura montada no estacionamento do Hospital Regional Rosa Pedrossian, na Capital, a Caravana da Saúde iniciou uma nova etapa nesta segunda-feira (17.6) para consultas e cirurgias na área de oftalmologia. Serão realizadas cirurgias de catarata, yag laser, pterígio e vitrectomia. Os procedimentos na estrutura vão até 5 de julho.

A serviços gerais Kátia Nayara de Oliveira saiu às 3h40 de Sidrolândia e ao amanhecer do dia já estava na Caravana da Saúde com o filho Pedro Henrique Santana de Oliveira, de 9 anos. Ela procurou atendimento para resolver o problema de estrabismo do menino. “Ele sofre muito com bullyng na escola, por isso trouxe ele para tentar resolver o problema”, afirmou.

Tayene Heloise Solis Sena, de 5 anos, tem o mesmo problema de Pedro Henrique, estrabismo. A mãe, Rosenilda Solis, de 41 anos, disse que há três anos tenta conseguir uma cirurgia para a menina. Na Caravana da Saúde não serão realizadas cirurgias para estrabismo, mas, segundo os médicos, em muitos casos é possível corrigir o problema com o uso de óculos, por exemplo.

O motorista aposentado Sebastião Honorato Araújo, de 73 anos, já foi atendido pela Caravana da Saúde, em 2017, quando passou por uma cirurgia de catarata. Morando em Caarapó, ele conta que saiu a 1h30 desta madrugada para ser atendido na Caravana da Saúde, no Hospital Regional de Campo Grande. “Graças a Deus consegui a cirurgia da catarata agora vim aqui para fazer uma revisão”.

Já a dona de casa Albina Vargas Ortiz, de 68, foi levada pelo filho e a nora para receber atendimento na Caravana da Saúde. Ela disse que quase já não enxerga, e há seis anos espera por um atendimento oftalmológico no sistema público de saúde. Quem também disse estar contente o serviço prestado é a Nadir Mecenas, de 52 anos. Acompanhada da filha Ingrid, acadêmica do curso de Publicidade e Propaganda, foi examinada pelos profissionais que trabalham na Caravana. “Fomos muito bem atendidas, foi muito rápido, achei que ia demorar”, comentou Nadir, que foi encaminhada pela UBS do bairro Caiçara, de Campo Grande.

O governador Reinaldo Azambuja explicou que pacientes de todos os municípios de Mato Grosso do Sul serão atendidos. “Vamos disponibilizar nesta etapa, que se inicia hoje, mais de 8 mil consultas e mais de 2 mil cirurgias. Serão atendidos os 79 municípios para irmos diminuindo a fila. A Caravana não parou. Se você olhar, muitos hospitais continuam fazendo as cirurgias eletivas”, disse Reinaldo Azambuja.

Quem ainda não passou pela regulação também poderá ir à estrutura montada no HR, segundo o secretário de Estado de Saúde, Geraldo Resende. “Só queria reafirmar que se algum paciente de Campo Grande por demanda espontânea vier aqui, ele vai ser atendido dentro da regulação de Campo Grande. Nenhum paciente oftalmológico que precisar de consulta vai ficar sem ser atendido”, afirmou. Nesta nova etapa, o Ministério da Saúde é parceiro do Estado e o investimento dos governos, somente na parte cirúrgica, é superior a R$ 2 milhões.

Durante a visita à estrutura, o governador Reinaldo Azambuja aproveitou para anunciar à imprensa que a Caravana da Saúde Indígena também será retomada, indo para Dourados e Caarapó. Ela já foi realizada em Miranda, Amambaí e Aquidauana.

Maior programa de saúde da história de Mato Grosso do Sul, a Caravana da Saúde já fez mais de 500 mil atendimentos e 60 mil cirurgias em quatro anos e meio, com investimento de R$ 70 milhões do Governo do Estado.

 

Paulo Yafusso e Paulo Fernandes – Subsecretaria de Comunicação

Fotos: Chico Ribeiro

Deixe seu Comentário

Leia Também

ELEIÇÕES 2020
Eleições 2020: 'Não tem como eu subir no mesmo palanque que Marquinhos', diz Rose Modesto
AÇÕES DO GOVERNO DO MS
Reinaldo Azambuja visita obras de porto e destaca vocação de Porto Murtinho como eixo intermodal
VICENTINA SENDO REPRESENTADA NO RJ
Vicentina será representada no Internacional de Masters South América de Jiu-jitsu no Rio de Janeiro
A SERVIÇO DO POVO
Prefeito se disfarça de deficiente físico para testar funcionários públicos
POLITICA
'Falar que passa-se fome no Brasil é uma grande mentira', afirma Bolsonaro
AÇÕES DO GOVERNO DO MS
Reinaldo Azambuja participa do lançamento da licitação da ponte em Porto Murtinho
AÇÃO PARLAMENTAR
Barbosinha diz que obras da Hayel Bon Faker começam nos próximos dias
100 MANUTENÇÃO
Sem manutenção, prefeitura para 15 ônibus e deixa 800 alunos a pé em Dourados
SAUDE
Decreto traz regras que asseguram atendimento integral à saúde da militar gestante e do bebê
AÇÕES ONEVAN DE MATOS
Onevan busca incluir aeroporto de Naviraí em obras do Governo Federal