Menu
SADER_FULL
terça, 22 de janeiro de 2019
FARMÁCIA_CENTROFARMA_FULL
Busca
CANTINA BAH
campo grande

Doze entidades lotam Câmara para defender Bernal e sessão é suspensa

8 Out 2013 - 10h35Por Campo Grande News

A sessão na Câmara Municipal foi suspensa por um período de dez minutos, após início de confusão dos mais de 12 movimentos sociais que estão presentes no local. Cerca de 700 pessoas estão no plenário e exigem que a votação da abertura ou não da Comissão Processante contra o prefeito Alcides Bernal (PP) seja iniciada.

O vereador Flávio César (PT do B) que presidia a sessão resolveu suspender até que a ordem seja restabelecida. De acordo com os manifestantes, existe uma Frente Popular em defesa da democracia. Eles entregaram um manifesto aos vereadores.

“As forças populares e democráticas continuarão vigilantes e mobilizadas contra qualquer tentativa golpista em Campo Grande, irão se impor para valer a vontade popular”, diz o manifesto.

O presidente estadual da CUT (Central Única do Trabalhador), Genilson Duarte, afirmou que 70 sindicalistas estão no local não para apoiar o prefeito e sim para fazer valer a vontade popular. “Só o povo tem o direito de tirá-lo”, afirmou ele.

Já o representante do movimento indígena, Lisio Lili, destacou que Bernal representa o projeto de renovação e que a participação nesta sessão não é uma pressão aos vereadores. “Queremos que os segmentos sociais façam parte desta discussão”.

A moradora do bairro Noroeste, Daniele Pinheiro, 18 anos, ressaltou que além do seu grupo vir buscar melhores condições de moradias, com a retirada de pessoas em locais de risco, também foram apoiar o prefeito Alcides Bernal.

Cartazes - Além de cartazes que afirmam que “Campo Grande está contra o golpe”, foi colocado um painel na entrada da Câmara, com espaço para colar as fotos dos vereadores que forem a favor do “golpe’ contra o Bernal e quem se posicionou de forma contrária.

Deixe seu Comentário

Leia Também

TÁ COM IPVA ATRASADO???
Proprietários de veículos com IPVA em atraso podem parcelar dívida em até dez vezes
MINISTRA DO MS NO GOVERNO BOLSONARO
Ministra Tereza Cristina garante fortalecer cadeia do leite e agricultura familiar
AÇÕES DO GOVERNO DO MS
Enquanto 6 estados decretam calamidade, MS mantém investimentos e salários em dia
DEODÁPOLIS - CPI NA CÂMARA
MPE pede para Câmara criar CPI um dia depois de vereador protocolar pedido em Deodápolis
ABERRAÇÃO
Filhas solteiras de senadores ganham 33 mil reais. "Isso vai acabar", diz Bolsonaro
A COBRA VAI FUMAR - SEGURANÇA NO MS
MS fecha o cerco contra a violência na fronteira em mega operação
AÇÕES DO GOVERNO DO MS
Governo de MS implanta alta tecnologia em presídios para tornar inspeção mais eficaz
DOURADOS - PRESO NOVAMENTE
Investigado por corrupção, Idenor Machado volta a ser preso em Dourados
DEODÁPOLIS - CPI CHEGANDO
Vereador protocolou pedido de abertura de CPI para apurar denuncias de 2016 em Deodápolis
AÇÕES DO GOVERNO DO MS
Ações do Governo melhoram a segurança no MS: 16 municípios não registraram nenhum homicídio em 2018