Menu
FARMÁCIA_CENTROFARMA_FULL
sábado, 23 de março de 2019
SADER_FULL
Busca
ÁGUAS DE BONITO
APREENSÃO

Suposto sequestro misterioso de jovem mobiliza Universidade

A publicação relatava que uma mulher, do Departamento de Educação Física, do campus Botânico, teria sido abordada por um homem desconhecido e sequestrada.

14 Mar 2019 - 16h03Por Massa News

Uma postagem sobre o desaparecimento misterioso de uma jovem no campus da Universidade Federal do Paraná (UFPR) começou a circular pelas redes sociais e mobilizou os estudantes da instituição na última semana. A publicação relatava que uma mulher, do Departamento de Educação Física, do campus Botânico, teria sido abordada por um homem desconhecido e sequestrada. No entanto, a postagem foi feita em uma página de Spotted do Facebook não oficial da UFPR, que permite postagens anônimas e que, por isso, ainda não foi possível identificar quem viu o episódio e começou o post viral. 

Na postagem, tudo teria começado quando a jovem teria pedido uma corrida em um aplicativo. Em seguida, conforme a postagem, o motorista que viria busca-la cancelou e a mulher teria sido abordada por um homem, que a conduziu para o interior da universidade. No relato, ela ainda teria feito sinal para um segurança da instituição, que passou a seguir os dois para verificar a situação, mas a jovem e o homem, um suposto sequestrador, teriam sumido.

Em alguns compartilhamentos, os usuários das redes sociais chegam a descrever características físicas da suposta desaparecida, dizendo que ela tinha o cabelo preto e comprido, feição “levemente oriental” e que estava de legging preta e camiseta preta.

Após a repercussão e o pedido de respostas pela comunidade estudantil, a UFPR se manifestou em uma nota oficial no Facebook a respeito do caso. Na postagem, a universidade afirmou que realizou buscas assim que soube do suposto desaparecimento, mas que, até o momento, “a instituição não foi notificada da ausência de nenhum membro da comunidade estudantil, seja por alunos, servidores ou mesmo familiares”.

Em conversa com a assessoria de imprensa da universidade, o Massa News foi informado que a situação chegou até a Reitoria após o monitoramento das redes sociais da UFPR e que ninguém denunciou o desaparecimento ou identificou a vítima, seja na universidade ou na polícia. Questionamos também o fato da publicação mencionar um segurança da universidade que teria presenciado o desaparecimento, mas a UFPR confirmou que os servidores foram ouvidos e nenhum deles afirmou ter visto o suposto sequestro.

A assessoria da Polícia Civil também foi procurada e disse que o desaparecimento não foi denunciado em nenhuma delegacia da corporação.

O desaparecimento e suposto sequestro da jovem seguem sendo um mistério já que, mesmo com o relato detalhado que circula nas redes, ninguém deu falta da vítima. Apesar disso, a UFPR mantém as buscas e irá examinar seu banco de imagens e câmeras de segurança externas no intuito de esclarecer o caso.

Deixe seu Comentário

Leia Também

CORAJOSA
Mulher reage a assalto e dá surra em bandido
DESUMANIDADE
Motorista morre em acidente com caminhão e carga de frango é saqueada
FÁTIMA DO SUL E MARACAJU
Mulher que simulou sequestro para a própria família é presa em Fátima do Sul
VICENTINA - AÇÃO CONTRA O TRÁFICO
Jovem negocia Crack por televisão e é preso pela Polícia Militar em Vicentina
IVINHEMA
Trabalho desenvolvido em presídio de Ivinhema reflete em benefícios para crianças carentes da região
CONTRABANDO
PRF apreende 11.500 maços de cigarros em Nova Alvorada do Sul
FLAGRANTE
Leiturista 'erra' na hora de registrar consumo e conta de luz sobe R$ 30
TERROR NA ESCOLA
Homem é morto a tiros enquanto buscava filho na escola
TARADÃO
‘Peladão’ aterroriza mulheres em bairro nobre
RIO BRILHANTE - ATENTADO
Dono de Oficina é baleado com tiros de Pistola calibre 40 em Rio Brilhante