Menu
FARMÁCIA_CENTROFARMA_FULL
segunda, 22 de abril de 2019
LIMIT ACADEMIA
Busca
AGÊNCIA BONITO THIAGO
NA BONDADE E NA MALDADE

Rapaz ajoelha e pede mulher em casamento depois dos dois serem detidos

Uma cena inusitada chamou a atenção em uma delegacia nos últimos dias. Um rapaz detido junto com a namorada suspeito de fazer um assalto em um ônibus, resolveu pedir a garota em casamento dentro da delegacia.

15 Abr 2019 - 15h47Por Massa News

Uma cena inusitada chamou a atenção em uma delegacia nos últimos dias. Um rapaz detido junto com a namorada suspeito de fazer um assalto em um ônibus, resolveu pedir a garota em casamento dentro da delegacia. O rapaz pediu licença para se ajoelhar e fez o pedido na frente da imprensa que filmava a detenção pelo assalto.

"Na saúde e na tristeza, na bondade e na maldade, você aceita casar comigo?" disse.

Na sequência a jovem aceita o pedido e responde para um repórter que questionou "ainda que seja na cadeia?". Ela responde "É".

A cena inusitada foi registrada na Zona Norte de Manaus no 6º Distrito Integrado de Polícia (DIP).

Veja o vídeo

 

Deixe seu Comentário

Leia Também

FATALIDADE
Bebê morre após ser esquecida pelo pai por três horas dentro do carro
IRRESPONSABILIDADE
Bebê de 1 aninho entra em coma alcoólico após pai dar cachaça com refrigerante
DOENÇA DO SÉCULO
Corpo de mulher é encontrado pendurado em árvore ao lado de carro em MS
BONITO - MS - BOCA FECHADA
Polícia Civil fecha 'boca de fumo' e droga avaliada em R$ 20 mil na porta de escola em Bonito (MS)
CASO DE POLÍCIA
Marido embriagado bate na esposa com panela de pressão em MS
MUNDO DAS DROGAS
Ex-jogador do Vasco Valdiram é encontrado morto com sinais de espancamento, em São Paulo
TERRORISMO
Explosões em hotéis de luxo e igrejas católicas deixam mortos e feridos no Sri Lanka
ACIDENTE FATAL NO MS
Casal sidrolandense morre em acidente de moto próximo a Ponta Porã
ASSASSINATO EM CAMPO GRANDE
Em Campo Grande, Sobrinho mata tia a facadas, ela tinha deficiência nas mãos
DEODÁPOLIS - DROGAS - AMEAÇAS
Filho ameaça os próprios pais de morte por causa de drogas em Deodápolis