Menu
FARMÁCIA_CENTROFARMA_FULL
segunda, 25 de março de 2019
SADER_FULL
Busca
ITALÍNEA
Operação Ouro Preto

Presa quadrilha que levava 100 quilos de cocaína por mês de MS para Minas Gerais

As investigações apontaram que a quadrilha atuava no tráfico há aproximadamente quatro anos

7 Nov 2013 - 16h47Por Correio do Estado

Nove pessoas foram presas em Campo Grande (MS), Dourados (MS) e Belo Horizonte (MG), durante uma “Operação Ouro Preto”, realizada pela Polícia Civil de Minas Gerais, em conjunto com a Delegacia Especializada de Combate ao Crime Organizado (DECO) e a Delegacia de Repressão aos Crimes de Fronteira (DEFRON), ambas de Mato Grosso do Sul. Vários mandados de busca e apreensão foram cumpridos durante a ação que teve início em 24 de outubro.

As investigações apontaram que a quadrilha atuava no tráfico há aproximadamente quatro anos. Por semana, eram transportados de 20 a 25 quilos de pasta base de cocaína do Mato Grosso do Sul até Belo Horizonte, em Minas Gerais. A droga também era distribuída para a cidade mineira de Ouro Preto, onde moram alguns dos presos.


Foto: Divulgação

Foram interceptados 47 quilos de pasta-base de cocaína, em duas investidas. De acordo com a polícia a droga, depois de desdobrada, poderia chegar a quase 200 quilos. Também foram apreendidos veículos, computadores e dinheiro. Seis integrantes do grupo foram presos em Belo Horizonte (MG) e 3 em Campo Grande e Dourados (MS).

Na capital mineira foram presos Paulo Henrique de Castro Gomes, Moisés Aparecido Gonçalves, Edmar Luiz Maris Pinto, Samuel Junio Tomé, Reginaldo Washington Adriano, todos naturais de Minas Gerais, onde também foi preso o sul-mato-grossense Antônio Araújo Correa. Um dos líderes do grupo em Belo Horizonte, Sonny Clay Dutra, teve sua prisão preventiva decretada pela Justiça Mineira e encontra-se foragido.

No Mato Grosso do Sul, em parceria com as delegacias de Campo Grande (DECO) e Dourados (DEFRON), a Polícia Civil de Minas foram presos Anderson de Almeida Lopes, 31 anos, vulgo “Andrinho”, Márcio Antônio Franken, 35 anos e Élder de Oliveira Santos, 29 anos.

Os presos e drogas apreendidas foram apresentados na segunda-feira (04), na sede do Departamento de Investigações Antidrogas da Polícia Civil de Minas Gerais, em Belo Horizonte, com exceção de Anderson Lopes que esta custodiado em Campo Grande, já que possuía em aberto outros mandados de prisão, expedidos pela justiça de Mato Grosso do Sul.

Os indiciados responderão pelos crimes de tráfico de drogas, com pena que varia de 5 a 15 anos de reclusão e associação para o tráfico com pena de 3 a 10 anos, com aumento de 1/6 a 2/3 por se tratar de tráfico interestadual. 

Deixe seu Comentário

Leia Também

EM CIDADE DO MS - #POLÍCIA
Homem é assassinado a pauladas ao matar e comer galo de vizinho em cidade do MS
TRAGÉDIA FAMILIAR
Em MS, Homem comete suicídio com tiro na cabeça em confraternização familiar
GLÓRIA DE DOURADOS - ABUSO NO SOM
PM apreende som abusivo por perturbação de sossego em Glória de Dourados
RIO BRILHANTE - TRAGÉDIA FAMILAR
Homem comete suicídio com tiro na cabeça em confraternização familiar em Rio Brilhante
GLÓRIA DE DOURADOS - ACIDENTE NO CENTRO
Acidente entre carro e moto deixa mulher ferida no centro de Glória de Dourados
DEODÁPOLIS - AÇÃO DA FORÇA TÁTICA
Condenado por estupro em Tocantins foi preso pela Força Tática em Deodápolis
CRIME NA MADRUGADA
Mulher é brutalmente assassinada; carro foi visto deixando o local
CRIMINOSO FORAGIDO
Homem invade apartamento para roubar e estupra adolescente
IMPERFEIÇÕES NA VIA
Homem morre após carro bater em árvore pega fogo
CAARAPO
Motorista é preso com espingardas, revólver e animal abatido em Caarapó