Menu
prefeitura VICENTINA Março 2019
segunda, 18 de março de 2019
SADER_FULL
Busca
ÁGUAS DE BONITO
Operação Esculápio

PF faz operação em 14 Estados contra diplomas falsos de medicina

A ação combate um esquema de uso de diplomas e documentos falsos de medicina no País.

18 Out 2013 - 07h43Por Terra

Policiais federais participam na manhã desta sexta-feira da Operação Esculápio em 14 Estados: Mato Grosso, Acre, Alagoas, Amazonas, Bahia, Ceará, Maranhão, Mato Grosso do Sul, Paraná, Paraíba, Pernambuco, Rondônia, Rio Grande do Sul e São Paulo. A ação combate um esquema de uso de diplomas e documentos falsos de medicina no País. 

​Ao todo, foram cumpridos 41 mandados de busca e apreensão expedidos pela 7ª Vara Criminal da Justiça Federal de Mato Grosso. De acordo com o delegado responsável pela investigação, Guilherme Augusto Campos Torres Nunes, a denúncia foi feita pela Universidade Federal do Mato Grosso (UFMT). "São diplomas que foram comprados na Bolívia e seriam usados para a pessoa clinicar no Brasil e há a suspeita de que alguns teriam solicitado o ingresso no Mais Médico", informou, explicando que o programa do governo federal não autoriza o ingresso de profissionais formados na Bolívia. 

Os detentores dos diplomas falsos teriam se inscrito no Revalida - exame que autoriza a atuação de médicos graduados no exterior no País. Em contato com as universidades bolivianas Universidad Nacional Ecológica (UNE), Universidad Técnico Privada Cosmos (Unitepc) e Universidad Mayor de San Simon (UMSS), a UFMT confirmou que dentre os inscritos, 41 nunca foram alunos ou não concluíram a graduação nessas instituições. 

Ao analisar os documentos encaminhados pela universidade mato-grossense, a Polícia Federal constatou que, destes 41, 29 foram representados por cinco advogados ou despachantes, que teriam sub-rogado outras pessoas para realizar a inscrição dos supostos médicos. Os investigados responderão pelos crimes de uso de documento falso e falsidade ideológica. "O próximo passo vai ser interrogar e juntar a documentação para indiciá-los por falsidade e identificar o fraudador na Bolívia com base nos interrogatórios que estamos fazendo, para em seguida acionarmos as autoridades cabíveis", completou Nunes. 

A operação foi batizada em razão de que Esculápio é o Deus da medicina e da cura na mitologia greco-romana. 

Deixe seu Comentário

Leia Também

TRAGÉDIA EVITADA
Garoto de 11 anos leva faca na mochila para matar colega no ônibus escolar
ALERTA AOS PAIS
Menino de quatro anos corta os pulsos em Goioerê e pode ser influência da Momo
NAVIRAI
Foragido do semiaberto é encontrado morto em terreno baldio
TRISTEZA
Filha de PM morre com tiro e há dúvidas sobre a causa da morte
DIABÓLICO
Momo aparece em vídeos infantis e ensina crianças a se suicidarem
TRAGÉDIA NA FAMILIA
Pai, mãe e filha morrem em colisão com caminhão frigorífico em rodovia de MS
VICENTINA - ANIVERSÁRIO DO MATEUS
Em Fátima do Sul, Bombeiros fazem surpresa em aniversário do Mateus fã incondicional dos heróis
DOURADOS - ACIDENTE NO CENTRO
Colisão termina com mulher presa nas ferragens e semáforo no chão em Dourados
FAKE NEWS
Padre Fábio de Melo desmente texto atribuído a ele sobre o ataque em Suzano
MACHISMO
Marido bate em grávida porque mulher pediu para ele lavar louça