Menu
FARMÁCIA_CENTROFARMA_FULL
domingo, 18 de agosto de 2019
LIMIT ACADEMIA
Busca
AGÊNCIA BONITO THIAGO
OPERAÇÃO GATO PRETO

Operação contra jogo do bicho em MS prende quatro e flagra dinheiro e armamento

5 Nov 2013 - 10h58Por MIDIA MAX

Até o momento, na Operação Gato Preto, foram presas quatro pessoas, sendo duas em Ponta Porã e duas em Campo Grande. Foram apreendidos também uma submetralhadora UZI, calibre 9 milímetros; um fuzil Mosquefal, calibre .762; uma carabina calibre .12; 01 pistola calibre 9 milímetros; duas pistolas calibre .635; quatro revólveres calibre .38; R$ 90.250 mil em dinheiro; dezenas de cheques e diversos documentos referentes a controle de apostas, sorteios e movimentação do jogo do bicho.

Os presos em Ponta Porã foram apresentados na Delegacia de Polícia local. Em Campo Grande, os presos estão sendo encaminhados para a sede da DECO (Delegacia Especializada de Combate ao Crime Organizado) e DENAR.

Estão sendo realizadas buscas ao proprietário do estabelecimento "Ponto das Baterias", em Campo Grande, apontado como responsável pela posse irregular de uma pistola calibre 9 milímetros e 1 revólver calibre 38.

Na manhã desta terça-feira (05), o Grupo de Atuação Especial de Combate ao Crime Organizado (GAECO), a Polícia Civil e a Polícia Militar, deflagraram em Campo Grande e Ponta Porã operação conjunta voltada ao cumprimento de 13 mandados de busca e apreensão expedidos pelo Poder Judiciário da comarca de Campo Grande.

Durante as investigações foram apreendidas mais de 60 máquinas caça-níquel na Capital e diversos componentes eletrônicos utilizados para a montagem das mesmas. Também foi apurado o envolvimento do grupo criminoso com exploração da contravenção do “jogo do bicho” na região do Conesul do Estado, bem como na fronteira do Brasil com o Paraguai, além da utilização, pelos investigados, de diversas contas bancárias de pessoas físicas e jurídicas, para dissimular a origem e movimentação dos recursos provenientes da contravenção.

A operação conta ainda com a participação de cerca de 50 agentes policiais do GAECO, Polícia Civil e Batalhão de Choque, além de dois Delegados de Polícia e três Promotores de Justiça.

Divulgação/Gaeco

Deixe seu Comentário

Leia Também

DEODÁPOLIS - ACIDENTE
Com placas de Glória de Dourados, veículo fogo e fica totalmente destruído em colisão em Deodápolis
DOURADOS - ACIDENTE FATAL
Passageira morre após homem colidir moto contra placa de sinalização em Dourados
IVINHEMA - CASO DE POLÍCIA
Dupla rouba farmácia a mão armada e gasta dinheiro em prostíbulo em Ivinhema
GLÓRIA DE DOURADOS - ROUBO
Meliante furta fios elétricos de propriedade rural em Glória de Dourados
DOURADOS - CAOS NA SAÚDE
Defensoria flagra pacientes renais sem água e comida no Hospital da Vida
ACIDENTE DE TRABALHO
Homem morre ao ser puxado por colheitadeira quando fazia limpeza
TENTATIVA DE HOMICIDIO
Cansada de apanhar mulher desfere golpes de faca em companheiro
POLICIAIS CORRUPTOS
PMs são denunciados por ligação com tráfico; bandidos fizeram foto em caveirão
FRONTEIRA VIOLENTA
Corpo de homem é desovado no rodoanel de Ponta Porã
AGRESSÃO
Mãe de rapaz autista diz que filho foi espancado sem razão e revela ameaças