Menu
CACAU SHOW FÁTIMA DO SUL 0
terça, 22 de outubro de 2019
CÂMARA BONITO OUTUBRO 2019
Busca
UNIGRAN NET
CIGARRO ELETRÔNICO

Narguilé explode e jovem tem 60% do corpo queimado em festa

O jovem estava em companhia de alguns amigos participando de uma festa tradicional na cidade quando ocorreu o incidente.

21 Jun 2019 - 07h49Por RBJ

                            Um rapaz de 23 anos teve 60% do corpo queimado em Francisco Beltrão, no Sudoeste do Estado, nesta quinta-feira (20). A vítima, Lucas Carlos, popularmente conhecido como “Alemão”, teria sido atingido por estilhaços de um narguilé que explodiu.

O jovem estava em companhia de alguns amigos participando de uma festa tradicional na cidade quando ocorreu o incidente. Lucas foi socorrido ao Hospital Regional do Sudoeste.
Segundo informações, o estado de saúde é complicado e o jovem deverá ser transferido à Londrina para um hospital capacitado para tratar de queimados.

Como acontecem as explosões nos Cigarros Eletrônicos:

A maioria dos cigarros eletrônicos são alimentados por uma ou mais baterias de íon de lítio, e é daí que o risco de incêndio vem. As baterias de íon de lítio são encontradas em todos os lugares, desde nossos celulares até nossas câmeras e carros híbridos. Quando você traga em um e-cig, uma bateria alimenta o elemento de aquecimento que, em seguida, transforma a solução química do recipiente em um vapor. Em outros, mais manuais, você deve pressionar uma chave para tragar. De qualquer forma, uma bateria de íon de lítio está envolvida.

Sabemos que as baterias de íon de lítio podem representar um risco de incêndio se forem deixadas em certas áreas pressurizadas, como o compartimento de bagagem de um avião. No início de 2015, a Associação Federal da Aviação proibe que os cigarros eletrônicos e outras baterias de íon de lítio sobressalentes fossem mantidas na bagagem despachada. Em condições normais, porém, a possibilidade de uma bateria de íon de lítio falhar é bastante baixa (cerca de um em um milhão). Em raras circunstâncias, o relatório da USFA explica:

Durante o modo de falha típico para uma bateria de íon de lítio, o eletrólito é aquecido até o ponto de ebulição, a pressão interna na bateria se eleva até um ponto em que a vedação no final da bateria se rompe e a pressão é liberada abruptamente através da extremidade selada da caixa da bateria. (Mundo Vapor).

Deixe seu Comentário

Leia Também

CRIME DE PISTOLAGEM
Pistoleiros perseguem e executam homem a tiros na fronteira
SUSTO
Homem explode quintal ao tentar matar baratas no Paraná. VEJA O VÍDEO
CRIMINOSOS
Bandidos matam rapaz, invadem igreja e roubam veículo
TRAFICO DE DROGAS
Adolescente é flagrado pela PMR transportando quase 3 ton. de Maconha no MS
ABUSO SEXUAL
Adolescente foge de casa após ser estuprada várias vezes por padrasto
CRISE NO CHILE
Chile tem maior revolta social das últimas décadas; bolsa de Santiago cai mais de 4%
TEMPORAL E DESTRUIÇÃO EM MS
Temporal com vento de 74km destelha casas, derruba árvores e fere eletricista em MS
DOURADOS - POLÍCIA
Bebê de 1 ano é internada com suspeita de overdose em Dourados
DOURADOS - VÍDEO
Vídeo mostra aguaceiro que provocou estragos e interrompeu apresentação no teatro em Dourados
TRAGÉDIA NA 2ª FEIRA
Acidente entre três veículos deixa um morto e dois em estado grave