Menu
RIO_DOURADOS
SADER_FULL
Busca
SUCURI_MEGA
Tráfico de Drogas

Morto em confronto exibia fotos com armas na internet, afirma polícia

Suspeito de tráfico morto foi identificado pelos irmãos como Pedro Gabriel Silva, de 36 anos

11 Jul 2017 - 18h50Por Campo Grande News

Os dois celulares apreendidos pelo Batalhão de Choque após o confronto com traficantes em que um dos suspeitos de tráfico que morreu durante troca de tiros com os policiais militares, na madrugada desta terça-feira (11), revelaram que a dupla gostava de exibir seu arsenal particular de armas pela internet, segundo informações dadas pelo Batalhão de Choque na manhã desta sexta-feira.

Fotos tiradas do aparelho e que estão em poder da polícia, e não foram divulgadas, apontaram o suspeito que conseguiu fugir da abordagem se exibindo com uma pistola calibre ponto 40, arma de uso exclusivo de forças de segurança no País. Duas munições deste modelo foram apreendidas pelo Choque no Palio branco usado pelos traficantes.

Nenhum dos  traficantes foi identificado pela polícia até a conclusão desta reportagem. A reportagem apurou que foi morto Pedro Gabriel Silva, de 36 anos. O corpo foi reconhecido pelos irmãos no Imol (Instituto Médico e Odontológico Legal).

"As equipes estão fazendo buscas na região dos fatos atrás do foragido", informou o comandante do Batalhão de Choque, Marcou Pollet. Segundo o tenente-coronel, a suspeita é de que a dupla trabalhasse entregando drogas de carro pela Capital. Nos celulares apreendidos, diversas mensagens de negociação para a compra de entorpecentes. Também foi apreendida porção de pasta base de cocaína no veículo, que é investigado.

O caso - O comandante do Choque destaca que o batalhão entrou na ocorrência depois das 1h, quando os guardas civis municipais relataram por rádio que foram alvo de pelo menos cinco disparos dos traficantes. Os acusados foram flagrados no momento em que provavelmente faziam uma entrega na Praça Ary Coelho e fugiram por cerca de quatro quilômetros no Palio até baterem o carro e irem parar em um terreno baldio pulando sobre os muros de casas da Vila Taquarussu (zona sul).

"No momento em que um dos policiais ia pular o muito do terreno, foi surpreendido por um disparo, tendo que reagir a injusta agressão sofrida", disse Pollet.

O baleado portava um revólver calibre ponto 32, que foi apreendido. Ele chegou a ser socorrido até a Santa Casa, mas não resistiu aí ferimento. Seu comparsa conseguiu fugir em meio ao matagal do local. Além dos celulares e da munição, também foram encontrados mais de R$ 500 no carro da dupla.

Números - Segundo dados oficiais da Polícia Militar, até maio, último mês com as estatísticas disponíveis, Mato Grosso do Sul tinha registrado 14 casos de mortos em confrontos com a corporação, sendo 11 em Campo Grande. Dez dessas ocorrências foram registradas por batalhões especializados, como o Choque.

Deixe seu Comentário

Leia Também

Narcotrafico
Maracaju: PRF prende “Sargento da PM” com carro roubado após abandonar maconha em milharal
Perda Total
Fogo destrói duas casas de madeira que guardava material reciclável
Cuidado
Derrame de cédulas falsas de 10 e 20 no comércio de Vicentina e Fátima do Sul
Trafico de drogas
Passageiro de ônibus é preso pela PRF com drogas, duas armas e 100 munições
TRABALHO CONJUNTO
Dez são presos em operação que encontrou drogas em Dourados
Sidrolândia
Idoso é preso suspeito de estuprar sobrinha-neta de 9 anos
Dourados
Polícia apreende caminhão recheado de maconha em Dourados
Paranaíba
Jovem desaparece em mata no interior e família teme ataque de onça
Desaparecido
Garoto desaparece em área rural e polícia encontra pegadas de onça
Arrombamento
Ladrões arrombam janela e furtam agência dos Correios de Anaurilândia