Menu
LIMIT ACADEMIA
sábado, 21 de setembro de 2019
FARMÁCIA_CENTROFARMA_FULL
Busca
CANTINA PORTUGUESA
POLICIA

Morte acontece em confronto na favela

Um homem ainda não identificado morreu em confronto com a Polícia Militar, por volta de 21h de ontem, na região conhecida como favela do Mandela

28 Nov 2018 - 07h36Por Campo Grande News

Um homem ainda não identificado morreu em confronto com a Polícia Militar, por volta de 21h de ontem, na região conhecida como favela do Mandela, na Rua Sunko Yonamine, na Morada do Sossego, em Campo Grande.

Conforme boletim de ocorrência, a Polícia Militar fazia rondas no local, quando avistou em frente a um barraco dois homens suspeitos. Os policiais tentaram abordá-los, mas os dois foram para lados opostos, um deles saiu correndo para uma área de mata. A PM, então, solicitou apoio de outras viaturas.

Foram feitas buscas no matagal com uso de lanternas. O suspeito foi localizado, mas armado com revólver disparou pelo menos três vezes contra a equipe, que revidou. Ele foi atingido no tórax. Nenhum policial ficou ferido. O suspeito foi socorrido pela polícia e levado para a Santa Casa, onde morreu.

Segundo a polícia não foi possível indicar com precisão onde ocorreu o confronto, situação que impossibilitou os trabalhos da Perícia Técnica. Já o outro suspeito, segundo relatos de testemunhas à polícia, fugiu em uma moto vermelha e ainda não foi localizado, nem identificado.

Deixe seu Comentário

Leia Também

DOURADOS - IRREGULARIDADES
Tetila é condenado a devolver R$ 173 mil por irregularidades na compra de ambulâncias em Dourados
OPORTUNIDADE DE EMPREGO
Concurso abrirá 350 vagas para a Guarda Civil na Capital
TEMPESTADE
Temporal deixa rastro de destruição em cidade de MS
ACIDENTE GRAVE
Acidente com van escolar deixa dez crianças feridasí; duas estão em estado grave
TRAGÉDIA NA CIDADE
Assassinato de 3 pessoas e um suicídio assusta moradores de cidade
MORTE TRAGICA
Mulher morre após ter 98% do corpo queimado ao acender churrasqueira
CRIME DESVENDADO
Autor do Crime da Mala é identificado 11 anos depois por exame de DNA
CRIME DE PISTOLAGEM
Cabeleireira é morta a tiros em cidade paraguaia, fronteira com MS
FÁTIMA DO SUL - ENCONTRADA
Mãe agradece comunidade de Fátima do Sul pelo retorno de sua filha
CRUELDADE
Pai matou criança de 2 anos afogada na capital, após descobrir traição de mulher