Menu
CÂMARA FÁTIMA DO SUL OUTUBRO 2019
quarta, 16 de outubro de 2019
CÂMARA BONITO OUTUBRO 2019
Busca
CANTINA BAH
MUNDO MEDONHO

Homem que guardava 21 vaginas no freezer é julgado por mutilar mulheres

A polícia também achou na casa equipamento cirúrgico e drogas anestésicas.

26 Set 2019 - 13h20Por Metro

Peter Frederiksen, de 63 anos, compareceu a tribunal nesta quarta-feira, 4, para o julgamento de um caso insólito: o dinamarquês foi flagrado com 21 vaginas mutiladas e guardadas em freezer na sua residência na África do Sul.

A polícia também achou na casa equipamento cirúrgico e drogas anestésicas. Uma das vítimas foi a própria esposa de Peter. Anna Matseliso Molise, de 28 anos, contou que fora dopada e tivera o órgão genital extirpado quando estava inconsciente. A mulher, que testemunharia no caso, foi morta a tiros no mês passado ao sair de casa.
Masilea Langa, porta-voz da polícia, comentou que o dinamarquês tem um registro detalhado de cada parte removida desde a primeira vítima, em 2010, segundo reportagem do "Metro". A maior parte das mulheres seria do Lesoto, reino encravado na África do Sul. Não foram divulgadas informações sobre o destino delas.

Deixe seu Comentário

Leia Também

EM CIDADE DO MS
Adolescente grita por socorro e homem é preso por tentativa de estupro em cidade do MS
ASSASSINATO
Motorista de aplicativo é morto com 15 tiros na fronteira
CASO DE POLICIA
'Disseram que eu não era homem', alega acusado de assassinar três trabalhadores
LATROCINIO
Pastor é baleado e morre em assalto; um suspeito foi preso e outro fugiu
CONTRABANDO
PRF apreende em MS 600 relógios e 120 maquinas de cartão de crédito de origem estrangeira
TRAGÉDIA COM 6 MORTES
Acidente em Doutor Ulysses: vítima gravou áudio minutos após tragédia
ITAPORÃ - ACIDENTE
Acidente há poucos instantes envolvendo a ambulância de Itaporã
CASO DE POLICIA
Policial de Naviraí evita assalto e troca tiros com ladrões
DESCARGA ELÉTRICA
Em MS, Ao encostar em fio de alta tensão, empresário sofre descarga de cerca de 7.900 watts
COVARDIA
Menino de 4 anos é morto a facadas pelo padrasto; mãe foi ferida, mas sobreviveu