Menu
LIMIT ACADEMIA
quarta, 16 de janeiro de 2019
SADER_FULL
Busca
ITALÍNEA
itaporã - emboscada

Homem é morto a tiros em frente a mulher gestante; 2 dias antes, recebeu ameaças

25 Out 2013 - 07h45Por Dourados Agora

Um campograndense foi assassinado a tiros por volta das 22 horas de ontem, em casa na cidade de Itaporã, na frente da mulher gestante de sete meses.

Segundo a polícia, Luiz Ricardo Pedroso, de 30 anos, estava em companhia da esposa, Adriana Oliveira Ferreira, na residência à rua Primo Roldina, no Jardim Copacabana, quando alguém pelo nome do ex-marido dela.

Adriana pediu que Luiz não fosse para fora. Ele decidiu verificar quem era e saiu pela porta do fundo quando se deparou com um homem, que já estava no corredor lateral da casa apontando a arma na direção dele.

O pistoleiro atirou várias vezes em Luiz Ricardo que, ainda, foi atingido com tiros à queima roupa. Depois que ele já estava caído, o atirador chegou perto e disparou mais vezes. Luiz foi atingido com dois tiros nas costas, dois na cabeça, um no braço esquerdo e outro abaixo da coluna. Morreu na hora.

Quando o socorro chegou, nada puderam fazer. De acordo com a polícia, Luiz Ricardo havia recebido ameaças de morte, na quarta-feira.

A polícia investiga o caso.

Deixe seu Comentário

Leia Também

ACIDENTE FATAL
Motorista de ônibus morre na hora em acidente em trecho com obras
MS EM DESTAQUE
Polícia Civil de Mato Grosso do Sul é a que mais elucida crimes de homicídios no País, cita Revista
VANDALISMO
Arrombamento e furto fecha posto de saúde em Rio Brilhante
ESTUPRO VULNERÁVEL
Menina de 5 anos é estuprada em igreja evangélica enquanto mãe participava de culto
ACIDENTE FATAL
Motorista morre ao ser arremessado para fora de carro em capotagem
INCENDIO
Após ser ameaçada por marido, mulher pede ajuda a mãe e casa acaba incendiada na Nhanhá
DROGAS
Sargento é preso com maconha escondida em armário no Batalhão da PM
TRAGÉDIA
“Tentei socorrer ele, mas não deu certo”: conta filho de motociclista levado por enxurrada
FURIA DA NATUREZA
Enxurrada derruba casa e provoca pânico e destruição
DOURADOS
Justiça determina que ex-secretário volte para a prisão