Menu
SADER_FULL
segunda, 25 de março de 2019
FARMÁCIA_CENTROFARMA_FULL
Busca
ITALÍNEA
Corregedoria Nacional

Funai apura envolvimento de servidor no assassinato do cacique Nízio

9 Nov 2013 - 10h23Por Campo Grande News

A Corregedoria Nacional da Funai (Fundação Nacional do Índio) apura o envolvimento de funcionários do órgão no assassinato do cacique indígena Nísio Gomes, 59 anos, ocorrido em 18 de novembro de 2011 em Aral Moreira. A suspeita também é investigada pela Polícia Federal de Ponta Porã, a 323 quilômetros de Campo Grande.

Ontem, o corregedor nacional, Francisco Arruda, confirmou que há suspeita de que funcionários da Funai estão envolvidos no desaparecimento do cacique. A Polícia Federal chegou a indiciar 18 pessoas pelo crime. Eles chegaram a ser presos e tiveram o habeas corpus concedido pelo Tribunal Regional Federal da 3ª Região, em São Paulo.

Entre os envolvidos, estão funcionários e o proprietário de uma empresa de segurança de Dourados. O dono da empresa é Aurelino Arce.

O cacique foi morto durante um ataque ao acampamento indígena Guayviry, em Aral Moreira. No entanto, o seu corpo não foi localizado até hoje.

As investigações apontam que fazendeiros locais contrataram a empresa de segurança para expulsar os índios do acampamento em uma área requerida pelos indígenas. O conflito resultou no ataque aos indios e na morte de Nísio.

Os 23 suspeitos foram acusados de homicídio qualificado, ocultação de cadáver, fraude processual e corrupção de testemunhas. O MPF (Ministério Público Federal) já denunciou 19 pelo crime.

Apesar de confirmar a suspeita sobre funcionários da Funai, Arruda não revelou qual seria a participação deles no crime e quantos estão envolvidos. O corregedor também apura o desvio de combustível e veículos da Funai em Campo Grande.

Deixe seu Comentário

Leia Também

FATIMA DO SUL
DOF apreende arma de fogo e munições em Fátima do Sul
DEODÁPOLIS - MUITA DROGA
PMR apreende mais de 1,2 tonelada de maconha em Deodápolis
3º BPM DOURADOS
17 são presos durante ação policial do final de semana em Dourados
CIUMES
Marido vê foto de outro no celular e agride mulher na cabeça e a joga para fora do carro
GLÓRIA DE DOURADOS - PERIGO SOLTO
Pitbull solto e sem focinheira é capturado pela PM que procura por dono em Glória de Dourados
CACHAÇA
Homem cai de moto e vai preso por dirigir embriagado e sem CNH em Deodápolis
DEODÁPOLIS - CASO DE POLÍCIA
Homem agrediu sogra com ‘pedrada’ por conta de corote de pinga em Deodápolis
ACIDENTE DOMÉSTICO
Garotinha de oito anos cai sobre ferro de laje em Nova Andradina
LUTO NA MÚSICA
Cantor sertanejo morre ao bater a moto contra a carreta
BEBEDEIRA
Homem é assassinado durante briga em bar