Menu
PASSARELA
segunda, 18 de junho de 2018
SADER_FULL
Busca
DR. SHAPE
CONDENADA

Ex-servidora que desviou R$ 45 mil do caixa de prefeitura é condenada a 2 anos

Desvio ocorreu em São Gabriel do Oeste

26 Mai 2017 - 17h00Por MÍDIA MAX

Ex-servidora da prefeitura de São Gabriel do Oeste, cidade a 133 quilômetros de Campo Grande, foi condenada a 2 anos e 8 meses de prisão, por ter desviado dinheiro público. Ela exercia a função de coordenadora da tesouraria e desviou pouco mais de R$ 45 mil, entre os anos de 2006 e 2007. A prisão será substituída por serviços à comunidade, de acordo com a sentença e ela deverá devolver o valor à Prefeitura.

Consta no processo que, em conferência do caixa da prefeitura no mês de outubro de 2007, apurou-se o movimento de um recebimento de R$22.638,00. Ao conferir se o valor do lançamento recebido havia sido depositado, constatou-se a inexistência do valor.

A ex-servidora foi questionada e confessou que havia se apropriado do valor. Ela também disse que havia desviado mais dinheiro e que nem sabia informar a quantia. A mulher entregou à polícia ordens de pagamento liquidadas no sistema, porém não pagas aos fornecedores.

Durante a apuração do crime, a ex-servidora explicou que, primeiro pegava valores oriundos de receitas recebidas no caixa e anotava para futura devolução e que posteriormente, quando o montante ficou muito alto, passou a emitir ordens de pagamentos. Na época, a prefeitura da cidade fez auditoria e constatou o desvio de R$ 45.734,93.

Na decisão, a juíza Samantha Ferreira Barione, da 1ª Vara de São Gabriel do Oeste, explica que a autoria é certa, considerando que a acusada, em seu interrogatório na fase administrativa e judicial, confessou a autoria delitiva, inclusive confessou ter se apropriado do valor ora apurado em R$45.734.

“Ante o exposto, julgo procedente a pretensão acusatória contida na denúncia oferecida pelo Ministério Público Estadual para o fim de condenar a ré a pena de 02 (dois) anos e 8 (oito) meses de reclusão e 13(treze) dias-multa, a serem cumpridos em regime aberto. Substituo a pena privativa de liberdade por uma pena restritiva de direitos e multa. A pena restritiva de direitos consistirá em prestação de serviços à comunidade”.

Além disso, ficou estabelecida uma multa, no valor de 2 salários mínimos, referente às custas e a ex-servidora foi intimada, com prazo de 15 dias, ao pagamento do valor de R$45.734,93 à Prefeitura de São Gabriel d'Oeste.

Deixe seu Comentário

Leia Também

TRAGÉDIA - NATURAL DE FÁTIMA DO SUL
Natural de Fátima do Sul, homem perde controle e morre após colidir moto em guard rail
CARAAPÓ - ACIDENTE COM VÍTIMA
Homem morre em acidente que teria provocado com caminhão em Caarapó
IVINHEMA
Polícia Federal apreende 11 carretas com cigarros contrabandeados do Paraguai
VIOLENCIA DOMESTICA
Mulher de 30 anos é violentamente agredida pelo ex-companheiro
ACIDENTE DE TRANSITO
Corpo de Bombeiros socorre motociclista vítima de acidente
MONSTRO
Padrasto é preso por espancar e causar a morte de enteada de 3 anos
CRIME ORGANIZADO
Grupo criminoso é desarticulado pelas polícias Civil e Militar de Ivinhema
ATENTADO PARANHOS
Polícia Civil já tem suspeito de atentado contra prefeito de Paranhos (video)
TRAGEDIA NA RODOVIA
Carreta com gado tomba e motorista morre preso embaixo da cabine
ALTA VELOCIDADE
Casal morre e homem fica ferido em acidente com carro na contramão