Menu
SADER_FULL
quarta, 16 de outubro de 2019
CACAU SHOW FÁTIMA DO SUL 0
Busca
UNIGRAN NET
AGRESSÃO

Ex-namorado arranca pedaço de nariz e quebra dentes de ativista transexual

Vítima ficou com diversos hematomas pelo rosto e foi parar no hospital

10 Out 2019 - 14h04Por Topmidia News

A transexual Bárbara Bismark Araújo, de 42 anos, há mais de 10 anos vive um relacionamento conturbado com um pescador, que não teve o nome revelado, em Coxim. Nessa década, foram muitas e vindas, marcadas por agressões que resultaram em idas ao hospital e delegacia. E, na madrugada desta quinta-feira (10), ela foi agredida mais uma vez.

Bárbara, que é muito conhecida e querida na cidade, principalmente pela luta em prol dos direitos da causa LGBT+, ficou com vários hematomas, inclusive no rosto, e foi parar mais uma vez no Hospital Regional Álvaro Fontoura. No nariz, ficou uma marca de mordida, que chegou a arrancar pedaço. Na boca, três dentes quebrados pelos chutes.

Em entrevista ao Edição MS, ela contou que teve um desentendimento com o pescador. É um caso complicado. A vítima conta que ele não tem coragem de assumir a relação e toda a família é contra. Por outro lado, o “namorado” não deixa ela seguir a vida.

Nesta ocasião, ambos estavam no mesmo ambiente, curtindo a noite, cada um com sua turma. O agressor havia mentido para a vítima que não estava na cidade e, em determinado momento, eles discutiram.

O homem se dirigiu para a casa dele, para a esposa, e Bárbara contou para a mulher que mantinha uma relação com o pescador há mais de 10 anos.

Revoltado por 'sair do armário', o namorado e um amigo foram atrás de Bárbara e bateram de frente com a motocicleta dela.

Segundo a vítima, Bárbara caiu no chão e começou a ser agredida pela dupla, de todas as formas. Um dos agressores chegou a pegar um objeto para agredi-la mais ainda.

Machucada, Bárbara pediu socorro pela vizinhança e foi encaminhada pelo Corpo de Bombeiros ao hospital. A Polícia Militar registrou a agressão e encaminhou o boletim de ocorrência à delegacia.

O caso será investigado pela DAM (Delegacia de Atendimento à Mulher). Desta vez, a ativista diz que não irá retirar a queixa, representando contra quem ela já chama de 'ex-namorado' pelo crime.

Deixe seu Comentário

Leia Também

TRAGÉDIA
Idoso de 80 anos morre carbonizado em incêndio de barraco em MS
NÃO RESISTIU
Ciclista morre no HV após ser atropelado por ônibus em Dourados
ESPORTE
Agüero sofre acidente com carro de R$ 428 mil a caminho do treino do Manchester City
ESCRAVIDÃO
13 pessoas são resgatadas de trabalho escravo em fazendas de MS
EM CIDADE DO MS
Adolescente grita por socorro e homem é preso por tentativa de estupro em cidade do MS
ASSASSINATO
Motorista de aplicativo é morto com 15 tiros na fronteira
CASO DE POLICIA
'Disseram que eu não era homem', alega acusado de assassinar três trabalhadores
LATROCINIO
Pastor é baleado e morre em assalto; um suspeito foi preso e outro fugiu
CONTRABANDO
PRF apreende em MS 600 relógios e 120 maquinas de cartão de crédito de origem estrangeira
TRAGÉDIA COM 6 MORTES
Acidente em Doutor Ulysses: vítima gravou áudio minutos após tragédia