_MEGA_VICENTINHO
FatimaNews - Notícias de Fátima do Sul e região
Fátima do Sul, 25 de Setembro de 2017
DELPHOS_FULL
25 de Agosto de 2017 08h26

Bolívia: mais de 5 toneladas de maconha são apreendidas próximo à fronteira com o Brasil

O trio de paraguaios foi flagrado em posse da droga e por isso mesmo a prisão ocorreu em caráter de flagrante.

Jornal El Deber

Mais de 5 toneladas de maconha apreendidas foi o saldo de uma operação antidrogas realizada na Bolívia, na localidade de Naranjos, que situa-se a pouco mais de 170 quilômetros da fronteira com o Brasil. Além da maconha, três homens de origem paraguaia foram detidos pela polícia boliviana e serão autuados por tráfico de substâncias controladas, de acordo com o jornal El Deber, que não esclareceu em sua reportagem a origem e nem o destino do entorpecente.

 

Reprodução/El Deber

Maconha estava acondicionada em formato de tijolos

 

A grande quantidade de droga foi encontrada próximo à estrada que liga as cidades de Roboré à Puerto Suárez, esta última que faz divisa com Corumbá, no Brasil. Segundo Ximena Morales, diretora nacional de Substâncias Controladas da Bolívia, o trio de paraguaios foi flagrado em posse da droga e por isso mesmo a prisão ocorreu em caráter de flagrante.

“Eles estavam guardando vários sacos de cor escura onde estavam embalagens em formato de tijolos que foram submetidos à prova e acusaram positivo para maconha”, declarou. As mais de 5 toneladas da droga foram transportadas para a cidade de Santa Cruz de la Sierra, capital do Estado onde ocorreu a apreensão, e lá deverão ser incineradas.

Frente ao crime

Em março, o PCC, organização criminosa brasileira, roubou um carro-forte na cidade de Roboré. Em julho, integrantes da mesma facção assaltaram uma joalheria em Santa Cruz de la Sierra em uma operação que deixou cinco mortos.

Episódios como esses resultaram em um encontro entre autoridades brasileiras e bolivianas este mês na cidade de Santa Cruz onde os países estabeleceram um Gabinete Binacional de Segurança a fim de coibir crimes de narcotráfico, tráfico de armas, de pessoas e outros delitos. Desde então, se intensificaram ações entre os dois países no combate ao tráfico de drogas e crimes associados.

Uma das medidas que iniciaram esta semana foi o fechamento parcial da fronteira entre os países atingindo 37 pontos na região do departamento (estado) boliviano de Pando e do estado brasileiro do Acre. A medida começou a ser aplicada na madrugada de domingo, 20 de agosto, e vai durar cerca de 30 dias. O tráfego é liberado durante o dia, porém entre a meia-noite e às seis horas da manhã, a fronteira permanece fechada. A ação, segundo as autoridades dos países, é para coordenar forças a fim de combater o narcotráfico, o tráfico de armas, de pessoas e outros delitos.

Comentários
Veja Também
HERBALIFE_300
Nossa_Lojas
LÉO_GÁS_300
Últimas Notícias
  
FORTALEZA
Eventos
dothCom © Copyright FatimaNews - Todos os Direitos Reservados.