Menu
FARMÁCIA_CENTROFARMA_FULL
sexta, 20 de setembro de 2019
SADER_FULL
Busca
ITALÍNEA
MEXEU COM A ESPOSA

Armado, homem se diz policial e invade hospital para agredir filho de paciente

Disse a vítima que quer matá-lo por mexer com sua esposa

6 Mai 2019 - 15h52Por Midiamax

Na noite deste domingo (5), um homem armado se dizendo policial civil invadiu o Hospital São Julião, no bairro Nova Lima em Campo Grande e agrediu o filho de 42 anos, de um paciente internado a 12 dias no local.

Informações do boletim de ocorrência são de que a invasão teria acontecido por volta das 18 horas, quando o homem que se disse policial civil e entrou no hospital e encontrou a vítima que estava acompanhando seu pai, que estava internado a 12 dias.

Quando o autor avistou a vítima foi para ‘cima’ dela e passou a apertar seu pescoço e desferir tapas no rosto do homem afirmando que ia mostrar a ele como não mexer com a esposa dos outros. Funcionários do hospital tiveram de conter o homem, que saiu falando que ia ‘encher a cara de tiro’ da vítima na rua.

Depois foi descoberto que o homem não era policial e sim segurança de uma loja na Avenida Afonso Pena, e que sua esposa era auxiliar de enfermeira no hospital.

Deixe seu Comentário

Leia Também

OPORTUNIDADE DE EMPREGO
Concurso abrirá 350 vagas para a Guarda Civil na Capital
TEMPESTADE
Temporal deixa rastro de destruição em cidade de MS
ACIDENTE GRAVE
Acidente com van escolar deixa dez crianças feridasí; duas estão em estado grave
TRAGÉDIA NA CIDADE
Assassinato de 3 pessoas e um suicídio assusta moradores de cidade
MORTE TRAGICA
Mulher morre após ter 98% do corpo queimado ao acender churrasqueira
CRIME DESVENDADO
Autor do Crime da Mala é identificado 11 anos depois por exame de DNA
CRIME DE PISTOLAGEM
Cabeleireira é morta a tiros em cidade paraguaia, fronteira com MS
FÁTIMA DO SUL - ENCONTRADA
Mãe agradece comunidade de Fátima do Sul pelo retorno de sua filha
CRUELDADE
Pai matou criança de 2 anos afogada na capital, após descobrir traição de mulher
ATENTADO NA ESCOLA
Aluno esfaqueia professor em escola e se fere em seguida; aulas são suspensas