Menu
SADER_FULL
domingo, 24 de junho de 2018
PASSARELA
Busca
DR. SHAPE
VIOLÊNCIA EM MS

Advogado é acionado antes de homem matar desafeto com tiro na boca em bar em Jardim

Autor solicitou advogado antes de disparar por três vezes. Outra pessoa foi atingida no rosto

26 Jun 2017 - 07h40Por MÍDIA MAX

Bruno Henrique Barbosa de Paula, 25 anos, foi executado neste domingo (25) por supostamente ofender homem em bar de Jardim. Autor solicitou advogado antes de disparar por três vezes. Outra pessoa foi atingida no rosto e está internada no hospital do município.

Por volta das 2h24, conforme boletim de ocorrência, policiais militares escutaram disparos na Avenida Duque de Caxias. Diversas pessoas deixavam desesperadas bar na região. Outras equipes foram acionadas para apoio.

Testemunhas indicaram quem seria o autor dos tiros, que tentou se livrar de arma municiada com seis munições, sendo três deflagradas e três intactas.

Preso, o rapaz de 24 anos relatou ter sido ofendido pela vítima duas vezes. Este foi até o carro, pediu para que amigo acionasse um advogado e, então, disparou contra seu desafeto.

Dois projéteis atingiram Bruno Henrique na boca e pé direito. Outra pessoa, da mesma idade, teve tiro transfixado do rosto à coluna cervical. Esta foi encaminhada pelo Corpo de Bombeiros para o pronto socorro municipal.

Caso foi registrado na delegacia local como homicídio qualificado de emboscada e por motivo fútil, além de tentativa de homicídio da outra vítima atingida durante a ação.

Deixe seu Comentário

Leia Também

BRIGA EM BAR
Homem morre após ser esfaqueado em bar no Estrela Vera em Dourados
CARGA PESADA
Preso ao tentar carona é suspeito de abandonar carro com 1t de maconha
USUARIO DE DROGAS
Jovem admite ser usuário de crack após ser flagrado furtando comércio na área central
ROUBO DE GADO
Polícia Civil identifica e prende acusados de furto de gado na região de Nova Andradina
DESCASO
Após dias abandonado, cavalo morre em frente a pátio de Prefeitura em Batayporã
FÁTIMA DO SUL - CASO DE POLÍCIA
Homem é esfaqueado pela própria esposa em Fátima do Sul
VIOLÊNCIA DOMÉSTICA
Padrasto acerta murro na boca de criança ao tentar agredir esposa
DEODÁPOLIS - CASO DE POLÍCIA
DEODÁPOLIS: PM fecha ponto de venda de drogas próximo ao antigo Parque de Exposições
Capital - OUSADIA
Idosa de 63 anos é amarrada enquanto bandidos "limpam" residência
ACERTO DE CONTAS
Grupo é preso em flagrante após amarrar, ameaçar com arma e fazer 'julgamento' com homem