Menu
SADER_FULL
sexta, 28 de fevereiro de 2020
FARMÁCIA_CENTROFARMA_FULL
Busca
LUTO NA TV

Morre o ator e diretor Jorge Fernando, aos 64 anos

Na Globo desde 1978, ele estreou atuando no seriado 'Ciranda, Cirandinha'. Como diretor, esteve à frente de 34 produções. Corpo será velado na terça-feira (29).

28 Out 2019 - 06h21Por G1

Morreu neste domingo (27), aos 64 anos, o ator e diretor Jorge Fernando. Ele estava internado no Hospital CopaStar, em Copacabana, Zona Sul do Rio. Jorge Fernando era diretor da TV Globo e seu último trabalho como diretor e ator aconteceu este ano, na novela das 19h "Verão 90". Foi o retorno dele após dois anos afastado da TV, tempo em que se recuperou de um AVC.

Em nota, o Hospital Copa Star informou que ele morreu após dar entrada no fim da tarde deste domingo, devido a uma parada cardíaca "em decorrência de uma dissecção de aorta completa".

Na Globo, Jorge Fernando dirigiu vários sucessos, como as novelas “Rainha da Sucata” e “Alma Gêmea”.

Ator, diretor, escritor e humorista, Jorge Fernando foi um artista completo que ajudou a revolucionar a forma de se fazer televisão no Brasil. Seu primeiro contato com a arte de atuar foi ainda adolescente na escola onde estudava no Méier, Zona Norte do Rio.

Na TV, ele estreou como ator em 1978, no seriado “Ciranda, Cirandinha”. Na década seguinte, Jorge Fernando trabalhou em várias produções, mas foi do outro lado das câmeras, como diretor, que ele encontrou sua verdadeira paixão.

Desde então, ele dirigiu 34 novelas, minisséries e seriados. Sua estreia como diretor foi em “Coração Alado”, de Janete Clair, em 1980.

Diretor Jorge Fernando criou uma assinatura nos mais de 35 trabalhos que já dirigiu

Diretor Jorge Fernando criou uma assinatura nos mais de 35 trabalhos que já dirigiu

É de “Guerra dos Sexos” a cena clássica do café da manhã, uma das mais importantes da teledramaturgia brasileira. Quase 30 anos, ele teve a chance de fazer tudo de novo, quando dirigiu o remake da novela, em 2012.

Guerra dos Sexos - 1ª versão: Guerra de comida

Guerra dos Sexos - 1ª versão: Guerra de comida

Na década de 1990, muitas novelas dirigidas por ele marcaram uma geração. Como “Rainha da Sucata”, “Vamp”, “Deus nos Acuda” e “A Próxima Vítima”, que fez o Brasil parar no último capítulo, à espera da revelação de quem era o grande assassino.

Depois de uma longa temporada com diretor, Jorge Fernando voltou a atuar em 2011, no seriado “Macho Man”. Da TV para o teatro, dirigiu Cláudia Raia no musical “Não Fuja da Raia”.

Depoimento - Jorge Fernando: Direção

Depoimento - Jorge Fernando: Direção

Mas foi no espetáculo “Boom” que ele fez o que sabia de melhor: cantou, dançou e deu vida a vários personagens.

 
Jorge Fernando no lançamento da novela 'Êta Mundo Bom', de 2016  Foto: Globo / Paulo Belote

Jorge Fernando no lançamento da novela 'Êta Mundo Bom', de 2016 — Foto: Globo / Paulo Belote

Deixe seu Comentário

Leia Também

IN MEMORIAM
Mãe de rapaz morto em acidente agradece apoio: 'estou com o coração despedaçado'
ACIDENTE DE TRANSITO
Tristeza e comoção: amigos se despedem de jovem morto em acidente na Júlio de Castilho
LUTO NO CINEMA
Morre aos 83 anos José Mojica Marins, o lendário Zé do Caixão
TRISTEZA
Depois de 'ressuscitar' 3 vezes, Emilly morre no HU; família aguarda necropsia
TRAGÉDIA NA FAMILIA
Menino de 5 anos morre após ter 40% do corpo queimado em explosão de gasolina
AFOGAMENTO
Empresário douradense morre afogado no rio Amambai
LUTO NA MÚSICA
Músico morre cinco dias após acidente com moto em MS
CULTURAMA - LUTO
Culturama se despede do pioneiro Antonio do Pernambuco, aos 96 anos
PANDEMIA
Passa de 1.000 o número de mortos por coronavírus na China
CHOQUE ANAFILÁTICO
Servidora Pública é morta após picada por marimbondo