Menu
LIMIT ACADEMIA
terça, 25 de setembro de 2018
SADER_FULL
Busca
ITALÍNEA
Atentado

Igrejas católicas em Santiago sofrem ataques antes de visita do papa

Segundo a polícia da capital chilena, responsáveis pelos ataques também deixaram bilhetes ameaçando o papa Francisco.

12 Jan 2018 - 12h49Por G1

Três igrejas em Santiago foram atacadas durante a madrugada desta sexta-feira (12). Bombas caseiras causaram pequenos danos nas igrejas, e os responsáveis pelos ataques também deixaram bilhetes ameaçando o papa Francisco, apenas três dias antes da visita do pontífice ao Chile na próxima semana, informou a polícia.

Os vândalos, cujas identidades ainda são desconhecidas, atearam fogo a pelo menos uma das igrejas na capital chilena e jogaram panfletos na rua antes de fugirem. De acordo com a agência EFE, uma quarta tentativa de ataque foi fustrada pela polícia.

Um dos panfletos diz: "Papa Francisco, a próxima bomba será dentro da sua batina", informaram autoridades.

"As pessoas têm o direito de protestar, mas é uma coisa totalmente diferente usar violência", disse o ministro do Interior do Chile, Mahmud Aleuy, a repórteres, na manhã desta sexta, após verificar os danos causados nas igrejas.

 
Policiais examinam cena de ataque no Chile. Pelo menos três igrejas em Santiago foram danificadas a poucos dias da visita do papa ao país (Foto: Pablo Vera/AFP)Policiais examinam cena de ataque no Chile. Pelo menos três igrejas em Santiago foram danificadas a poucos dias da visita do papa ao país (Foto: Pablo Vera/AFP)

Policiais examinam cena de ataque no Chile. Pelo menos três igrejas em Santiago foram danificadas a poucos dias da visita do papa ao país (Foto: Pablo Vera/AFP)

Aleuy foi aos locais atacados e disse que abrirá processos contra todos os responsáveis. Ele informou que as ações são parecidas, mas não necessariamente estão relacionadas. Segundo o político, depois dos atos de hoje, será preciso reforçar a segurança no trajeto que o pontífice fará e nas regiões a serem visitadas.

Francisco, que nasceu na Argentina e é o primeiro papa latino-americano, chega ao Chile na segunda-feira (15). Uma missa marcada para terça-feira (16) em um parque de Santiago deve atrair mais de 500 mil pessoas. Também estão na agenda do papa visitas às cidades de Temuco e Iquique.

 

São esperados protestos sobre questões que vão de direitos indígenas ao contínuo escândalo de abuso sexual na Igreja.

Deixe seu Comentário

Leia Também

RELIGIÃO
Comunidade de Fátima do Sul comemorou Jubileu de Prata do Pe. João Bergamasco no RS
FATIMA DO SUL - RELIGIÃO
Fatimassulense completa 33 anos de Romaria à Aparecida do Norte
FÁTIMA DO SUL - RELIGIÃO
Será neste final de semana o 50º PLC em Fátima do Sul
FATIMA DO SUL - CONVITE
Nesta sexta feira será celebrada Missa de 7º dia do Falecimento da Srª. Lucineide em Fátima do Sul
FATIMA DO SUL - ROMARIA
Romaria de Fátima do Sul para Aparecida do Norte será em outubro
CAPITAL
Igreja Católica faz missas e vigílias contra chance de legalização do aborto
FATIMA DO SUL - RELIGIÃO
Padre Ládio recebe o carinho da comunidade de Fátima do Sul 48 anos de Ordenação Sacerdotal
RELIGIÃO
Padre é flagrado dando tapa em criança durante batismo
FATIMA DO SUL - RELIGIÃO
Mais de 70 jovens são crismados em Fátima do Sul
FATIMA DO SUL - RELIGIÃO
Muita Fé na celebração de Corpus Christi em Fátima do Sul