SUCURI_MEGA
FatimaNews - Notícias de Fátima do Sul e região
Fátima do Sul, 23 de Setembro de 2017
DELPHOS_FULL
24 de Agosto de 2017 08h06

Conheça o Museu de História Natural e Kadiwéu e a Gruta São Mateus de Bonito (MS)

Conheça o Museu de História Natural e Kadiwéu e a Gruta São Mateus de Bonito (MS)

FILIPI BRITES / BONITO INFORMA
FOTOS: FILIPI BRITES / BONITO INFORMA - Conheça o Museu de História Natural e Kadiwéu e a Gruta São Mateus de Bonito (MS)FOTOS: FILIPI BRITES / BONITO INFORMA - Conheça o Museu de História Natural e Kadiwéu e a Gruta São Mateus de Bonito (MS)

Um lugar que reserva as histórias de interesses artísticos, culturais e científicos. O museu conta através de objetos a história e ajudam a mostrar a identidade de um local.

O Museu de História Natural e Kadiwéu que está localizado na cidade de Bonito, têm objetos, em exposição como peças de animais e antiguidades que ajudam a contar a história do município e cultura local. Ao avistar a fachada do Museu é possível se deparar, ou melhor, dizendo sentir-se em um castelo como aqueles dos filmes medievais. A arquitetura e cenário são de chamar atenção de quem visita o local. Do lado de fora do espaço, é possível avistar três veículos antigos como, por exemplo, um caminhão cargueiro, trator e um carro de passeio.

Foto - Reprodução: Museu de História Natural e Kadiwéu de Bonito, MS.

Ao entrar no Museu de História Natural e Kadiwéu que está com suas portas abertas há 15 anos, o visitante já se depara com os objetos de uma personalidade religiosa do município, o ‘Sinhozinho’, as peças em exposição são do próprio curandeiro que viveu na cidade. A história do ‘Sinhozinho’ chama atenção de quem visita o local, conforme informações do José Engel curador do Museu: “A peça que chama mais atenção, além de estar exposta logo na entrada do Museu, que é a primeira peça que ele vê, são as cruzes, que fizeram parte da história do Sinhozinho, fez parte da história de Bonito, do Folclore, e até mesmo nos dias atuais, muitas pessoas da cidade tem o Sinhozinho como Santo, e todos os atrativos e lugares que as pessoas vão, comentam do Sinhozinho, e aqui no museu, eles podem ver o retrato, as sandálias, cruzes, rosário e até mesmo o manto dele. Aqui ele tem a visão geral de quem foi esse senhor lendário que andou em nossa região” relatou.Fotos: Filipi Brites / Bonito Informa - Visitantes parando para tradicional foto

O Curador do Museu conta quem foi o Sinhozinho: “O Sinhozinho foi um curandeiro, que andou pela nossa cidade e pregava a religião e fé para as pessoas, e o que faz mover as pessoas é a fé, muitos turistas, moradores que não conhecem totalmente a história desse senhor lendário, vem aqui em nosso museu, ver as peças e conhecer um pouco de sua biografia.”

Além do local expor suas peças, toda a história da região, o Museu oferece aulas de educação ambiental para crianças carentes: “Aqui são oferecidas aulas de reforço para crianças carentes em uma sala onde as cadeiras são de madeira de peroba do ano de 1930 e comporta 45 crianças, em parceria com escolas da cidade, nós atendemos estás crianças onde aqui ela podem usufruir de toda a assistência educacional voltada para o meio ambiente em horários reservados, onde elas não pagam nada e tem guias de plantão que atende as mesmas, para que elas possam fazer parte e conhecer a cidade de Bonito e o que é meio ambiente” disse José Engel.

Quem vem de longe e visita o Museu, fica encantando com todas as peças expostas, muitas voltam aos seus tempos de crianças e comentam de como eram suas experiências antigamente. Se você pensa que é só gente mais experiente que fica encantando de voltar ao passado ao ver os objetos do local, quem é mais jovem também fica impressionado com tanta cultura, beleza e memória reunida em um só lugar. A Brenda tem 23 anos e veio de Campo Grande junto com sua família para conhecer o local, ela ficou encantada com um órgão musical que foi fabricado na Alemanha no século XIX e foi adquirido em 1895 pela Igreja: “A peça chama atenção em sua forma de instrumento musical, o fato de ser uma peça histórica nos faz remeter a pensar em quantas pessoas utilizaram-se desse instrumento para celebrar cerimonias religiosas e quantos momentos importantes essa peça “viveu”, relatou a advogada.

A costureira Lucia Gomes que veio da cidade de São Paulo ficou encantada de ver um rádio de pilha dos anos 50 e também um rádio elétrico, além disso, ela comentou que tem essas relíquias em sua casa: “Eu tenho um rádio daquele de pilha que é todo revestido em coro, o meu é preto, e o rádio elétrico que é revestido em madeira era da minha mãe, está em londrina com meu irmão e ambos funcionam perfeitamente, eles são minhas relíquias não vendo, não dou, não empresto”, enfatizou.

Se o fato de puder visitar o Museu pode ser uma experiência inesquecível, o que também pode ser incluído no passeio é uma visita na Gruta São Mateus, onde o visitante pode prestigiar uma obra da natureza localizada no interior da gruta em um percurso de 300 metros de trilha em meio à vegetação, além de poder conhecer as diversas espécies da flora e também da fauna do local em uma altitude de 180 metros em um meio ambiente cercados por árvores centenárias.  

Apesar de todo o percurso o visual compensa a todos que visitam a Gruta São Mateus, além de poder contemplar a gruta, o local é cercado por muita história, como, por exemplo, o “Bolo de Noiva” se você para por um minuto e analisar o formato da rocha, realmente se assemelha a um bolo de noiva, a visita em todo o percurso é feita por um guia profissional, que conta e mostra todo o bioma do lugar durante o trajeto.

Quem tem a oportunidade de incluir a Gruta São Mateus no passeio, conta que o lugar apresenta uma beleza exuberante: “É uma obra divina, é só Deus para poder ter feito isso e deixar-nos desfrutar de tudo isto, é lindo demais, amei essa gruta” disse Rosemeyre Filgueiras da cidade de São Paulo.

Se tanto o Museu e a Gruta São Mateus podem proporcionar uma experiência de tirar o fôlego daqueles que visitam o local, em breve o lugar contará com um Parque Aquático.  O Museu de História Natural e Kadiwéu, está sob Administração de Everlon Engel e funciona das 7h às 16h30, outras informações podem ser obtidas através do telefone (67) 3255-1302.

Comentários
Veja Também
FORTALEZA
Nossa_Lojas
HERBALIFE_300
Últimas Notícias
  
Nossa_Lojas
Eventos
dothCom © Copyright FatimaNews - Todos os Direitos Reservados.